saúde

Vai acabar a publicidade a chocolates, doces, bolos e não só

Iogurtes, fiambre e refeições pré-feitas também estão na lista da Direção-Geral de Saúde.
A lei restringe o acesso a este tipo de produtos a menores de 16 anos.

São vários os chocolates, cereais ou iogurtes que vão deixar de ser publicitados a jovens com menos de 16 anos. A lei que restringe este tipo de anúncios foi publicada há três meses, em março, mas ainda não arrancou devido a um despacho que tem de ser feito pela Direção-Geral de Saúde (DGS) sobre o perfil nutricional dos alimentos.

Segundo o “Público”, que avança com a notícia esta terça-feira, 23 de julho, será proibida a publicidade a alguns destes artigos junto a escolas, nas redes sociais, em determinados programas de televisão, rádio e até em parques infantis.

A lista a que o jornal “Público” teve acesso junta centenas de produtos como gelados, bolachas, cereais, fiambre, queijo ou refeições já preparadas. Tudo opções com alto teor de sal, ácidos gordos saturados e açúcar, como previa a lei.

A DGS refere ainda que precisa de mais tempo para terminar o despacho. Já a Indústria agro-alimentar afirma à mesma publicação que os critérios que estão a ser adotados não cumprem as orientações da lei.

Por enquanto, não é certo o mês em que ficará concluído e em que entra em vigor.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT