NiTfm live

Saúde

Tem alergia ao pólen? Deve ter mais cuidados até ao final do mês

O alerta é da Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica.
Tenha cuidado redobrado.

As crises de alergia podem aumentar bastante até ao final do mês. É que, de acordo com o boletim polínico emitido pela Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica, as concentrações de pólenes vão estar muito elevadas.

Vila Real, região de Trás-os-Montes e Alto Douro, assim como o Porto, Coimbra, Castelo Branco, Lisboa e Évora são algumas das zonas do País onde os moradores devem ter mais cuidados. A boa notícia é que os níveis passaram para moderado na região do Algarve e para baixo nas Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira.

As previsões apontam para o predomínio de pólenes vindos de árvores como a oliveira, o carvalho e o castanheiro. As ervas gramínea e parietária também estão entre os responsáveis. Lembre-se de que alergia ao pólen pode causar reações do aparelho respiratório (asma e rinite alérgica), dos olhos (conjuntivite alérgica) ou da pele (urticária e eczema).