NiTfm live

Saúde

Portugal vai receber 2 milhões de vacinas para a próxima época gripal

Segundo o secretário de Estado da Saúde, é um aumento de 34 por cento face ao ano anterior.
São muitas mais do que o previsto.

Na conferência de imprensa desta sexta-feira, 22 de maio, António Lacerda Sales, secretário de Estado da Saúde, anunciou que foi autorizado pelo Conselho de Ministros o aumento da despesa na aquisição de vacinas da próxima época gripal.

“Portugal pretende adquirir dois milhões de doses de vacinas, o que representa um aumento de 34 por cento face ao ano anterior. São mais 500 mil doses”, disse.

Este é um aumento bastante superior ao que estava planeado, que era de 4,5 por cento. O responsável garante que o País está empenhado em preparar-se da melhor forma para as próximas épocas de gripe.

O responsável adiantou também na conferência que o governo decidiu, “através de uma portaria conjunta do ministério da Saúde e das Finanças”, que as estruturas “de natureza extraordinária”, como pavilhões e outras que têm sido abertas para acolher pessoas com Covid-19 que não disponham de condições para cumprir o isolamento no domicílio, “ficam isentas do pagamento das taxas de registo previstas pelo sistema de registo de estabelecimentos regulados da Entidade Reguladora da Saúde”.

A isenção vigora até ao final do ano 2021. “Este esforço coletivo deve ser enaltecido e incentivado”, disse.