NiTfm live

Saúde

Nestlé também vai acabar com o plástico nas embalagens

O objetivo da marca é passar a usar apenas materiais recicláveis ou reutilizáveis até 2025.
Temos boas notícias.

Não se admire se não encontrar palhinhas de plástico nos produtos da Nestlé a partir de fevereiro. Esta é apenas uma das primeiras medidas da marca para passar a usar materiais recicláveis ou reutilizáveis a 100 por cento até 2025.

O objetivo é utilizar materiais alternativos, à procura de um “futuro livre de desperdício” e de uma “mudança do comportamento”, revela o CEO da Nestlé, Mark Schneider.

As palhinhas vão ser substituídas por soluções como o papel e designs inovadores. O mesmo vai acontecer com os pacotes de leite e algumas embalagens de snacks.

A Nestlé quer, ainda, aplicar este esforço nas garrafas de plástico. A meta é alcançar até 2025 os 35 por cento de uso de material reciclável nas garrafas a nível global e 50 por cento nos Estados Unidos.

Para chegar a estes resultados, a marca criou o Institute of Packaging Sciences (Instituto das Ciências de Embalagem, em português), na Suíça, para desenvolver novas soluções e materiais para as embalagens com a ajuda de parceiros industriais.