NiTfm live

Saúde

Grávidas vão estar sem serviço de urgência em quatro hospitais no verão

Vai haver um esquema de encerramento rotativo nos próximos meses.
Foto bonita.

A partir da última semana de julho e até ao final de setembro, as urgências de obstetrícia da Maternidade Alfredo da Costa, Hospital de Santa Maria, São Francisco de Xavier, em Lisboa, e Amadora-Sintra, em Sintra, vão estar fechadas num esquema de rotatividade devido à falta de médicos.

A notícia é avançada esta quinta-feira, 20 de junho, pelo jornal “Público”. Segundo a publicação, que cita a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), “a falta de obstetras e anestesistas nestes quatro hospitais não é uma novidade e têm sido muitos os alertas por parte dos profissionais de saúde para dificuldades em assegurar o funcionamento dos blocos de parto e a assistência às grávidas”.

Outra das agravantes é que este cenário não está fechado. Diz a ARSLVT que “pode vir a ser pior”.