Saúde

Foi detetado um caso de peste bubónica numa cidade na China

Um pastor foi diagnosticado com a doença. Há outro paciente suspeito de ter contraído a mesma doença.
O risco de pandemia é baixo.

Um pastor na cidade de Bayannur, na região autónoma da Mongólia Interior, no norte da China, foi diagnosticado com peste bubónica. Há ainda outro caso suspeito ainda em análise.

A informação foi avançada pelo chinês “Global Times”, que adianta que as autoridades locais emitiram um alerta esta segunda-feira, 6 de julho. O alerta deverá prolongar-se pelos próximos meses embora os especialistas acreditem não haver grande risco de epidemia, dá conta a “BBC”. O pastor diagnosticado com a doença encontra-se em quarentena.

As autoridades deixaram um apelo para que sejam relatados casos de pacientes que apresentem febre alta sem motivo aparente ou que morram repentinamente. Além de febre e outros sintomas como fadiga e dores de cabeça, que podem ser confundidos com a gripe, a peste dá ainda origem a abcessos na zona das axilas, virilha e região cervical.

Hoje em dia a peste bubónica pode ser tratada com antibióticos mas houve um tempo em que foi a doença mais temida do mundo. No século XIV, uma epidemia devastadora propagou-se da Ásia até à Europa, e acredita-se que terá causado na altura cerca de 50 milhões de mortes.

Nos séculos seguintes a doença foi ressurgindo, como aconteceu em 1665, quando um quinto da população de Londres morreu devido à doença. Os ressurgimentos continuaram a surgir, havendo até casos já no século XXI. Os dois casos mais recentes foram identificados no ano passado, na Mongólia. Embora atualmente seja uma doença perfeitamente tratável, sem tratamento a peste bubónica poderá ter uma taxa de mortalidade entre 30 a 60%.

A peste bubónica é também a doença que serviu de inspiração para “A Peste”, de Albert Camus, romance de 1947 que dá conta de uma cidade em cerco sanitário devido à peste. A obra foi uma das que voltou à ordem do dia em tempos de pandemia do Covid-19.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT