NiTfm live

Saúde

Esta youtuber lançou um movimento de não-dieta (e engordou 14 quilos)

A estrela do mundo fit Stephanie Buttermore desistiu de passar fome e fazer sacrifícios. Diz que nunca foi tão feliz.
Felicidade com os quilos a mais.

Stephanie Buttermore é seguida por mais de 750 mil pessoas no YouTube que se sentem atraídas pelo estilo de vida da musa fitness. A rotina de exercícios pesada e a dieta restritiva para chegar ao corpo que ela considerava perfeito era acompanhada de perto pelos milhares de seguidores que a viam como inspiração.

Mas tudo mudou no dia 5 de junho deste ano, quando Stephanie anunciou uma decisão radical. Decretou o fim da dieta e decidiu que a partir daquele dia iria comer tudo o que lhe apetecesse até se sentir realmente saciada. O recém criado movimento da não-dieta teve duas consequências imediatas: 14 quilos a mais na balança e uma vida com menos sentimentos de culpa, mas muito mais felicidade. 

“Quando comecei a dieta all in, estava a comer cerca de cinco mil calorias por dia. Tem sido uma montanha-russa emocional. Tive dias ruins, duvidei de mim mesma e tive até pequenos ataques de pânico. Sei que o que estou a fazer é um pouco louco, mas também sei que é a coisa certa e estou animada por levá-los nesta jornada. Apesar de um corpo magro ter as suas vantagens, comer e não ter fome o tempo todo é ainda mais divertido”, contou a youtuber no vídeo publicado neste canal e onde justificou esta decisão.

Ao longo destes três meses, Stephanie, de 29 anos, tem lançado vários vídeos onde explica as mudanças no seu corpo e na sua rotina do dia a dia. Especialista em ciência do treino e da nutrição e doutorada em pesquisa contra o cancro de ovário, a influencer abandonou esta carreira para se dedicar ao mundo fitness.

Stephanie Buttermore sentia-se constantemente com fome, por isso, sentiu que queria parar de pensar em comida e recuperar o período menstrual, que tinha perdido por causa das poucas calorias que ingeria durante a semana.

O antes e depois de Stephanie Buttermore.

“Quero mostrar que também é saudável estar com uma percentagem maior de gordura corporal e não é por isso que o corpo é menos bonito”.

A americana esclarece que, apesar de comer tudo o que quer, 75 por cento das suas refeições são saudáveis e preparadas em casa. Assim, ela ganha peso sem prejudicar a saúde. Além disso, as idas ao ginásio continuam a fazer parte do seu dia a dia para conseguir manter uma boa forma física.

Na primeira semana engordou 4,5 quilos e, no primeiro mês, o total foi de 14 quilos. Agora, Stephanie está com o peso estável, tem mais energia, sente-se mais produtiva no ginásio, não tem tanta fome e seu ciclo menstrual voltou ao normal. Segundo a youtuber, a subida dos ponteiros na balança trouxe um bónus: “um rabo de sonho”.

É importante sublinhar que a quantidade de calorias consumidas por dia depende da constituição corporal de cada um. Neste momento, Stephanie tem uma dieta de 2500 calorias diárias. A premissa all in significa comer até ficar satisfeito — não cheio. O objetivo final é reduzir o apetite (não ganhar peso), por isso, é importante ouvir o corpo e dar-lhe apenas o que ele precisa.