NiTfm live

Saúde

EDP e empresa chinesa oferecem 50 ventiladores aos hospitais portugueses

Vão ainda chegar, no final de março, 200 monitores e outros equipamentos de apoio médico.
Boas notícias. (Foto: Reuters)

A pandemia mundial do novo coronavírus está alterar por completo a forma como as pessoas vivem o seu dia a dia. E está, sobretudo, a ter um grande impacto em todos os setores da sociedade. Numa altura em que Portugal entra em estado de emergência, todas as ajudas que possam melhorar o trabalho de todos os profissionais de saúde são bem-vindas.

Por isso mesmo, a EDP e a China Three Gorges (CTG), acionista maioritária da energética nacional, vão oferecer 50 ventiladores, 200 monitores e outros equipamentos de apoio médico aos hospitais portugueses. A preciosa ajuda totaliza cerca de quatro milhões de euros.

“Estes equipamentos médicos poderão mostrar-se decisivos para todos aqueles que sejam afetados de modo mais crítico pela Covid-19, sobretudo numa altura em que os stocks mundiais se têm mostrado insuficientes para a elevada procura”, pode ler-se num comunicado, citado pela “SIC Notícias“.

A empresa informa ainda que o material será enviado a 27 de março, prevendo-se que chegue a Portugal no fim do mês. Depois disso,  serão entregues ao Ministério da Saúde. “Com esta iniciativa, a EDP e a CTG juntam-se ao esforço coletivo das equipas médicas no terreno na luta contra esta epidemia”.

Os números divulgados pela Direção-Geral da Saúde esta quinta-feira, 19 de março, revelam que o número de pessoas infetadas com a Covid-19 no nosso País passa para 785. Em 24 horas, houve 143 novos casos. Há ainda 8091 pessoas sob vigilância e 488 aguardar os resultados de testes.