NiTfm live

saúde

Criança suspeita de ter coronavírus em Portugal não está infetada

Os testes realizados esta sexta-feira, 14 de Fevereiro, deram negativo. O menor tinha chegado da China e estava em isolamento.
As suspeitas deram negativo.

Portugal continua sem casos confirmados de coronavírus. Os testes realizados a uma criança suspeita de estar contagiada com o vírus deram negativo esta sexta-feira, 14 de fevereiro, conforme anunciou a Direção-Geral da Saúde ao final do dia. É o sétimo caso no País suspeito de infeção que não se confirma. O menor tinha chegado recentemente da China e estava em isolamento no Hospital Dona Estefânia, em Lisboa.

“A Direção-Geral da Saúde [DGS] informa que o sétimo caso suspeito de infeção por novo coronavírus em Portugal, que foi encaminhado, hoje [sexta-feira], para o Hospital Dona Estefânia, resultou negativo após realização de análises laboratoriais pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, com duas amostras biológicas negativas”, lê-se no comunicado.

Também os cidadãos portugueses que tinham sido repatriados da China realizaram esta sexta-feira um segundo teste. As análises, também feitas no Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, deram negativo. O período de isolamento destes cidadãos termina este sábado, 15 de fevereiro. Está prevista uma conferência de imprensa da DGS para o final do dia.

Esta sexta-feira, morreram mais 143 pessoas com o coronavírus, todas elas na China. Ao todo, a pneumonia viral já vitimou mais de 1500 pessoas. Foram ainda registados mais 2641 novos casos.

Em todo o mundo, há 66 500 pessoas infetadas. A grande maioria está na China, mas há outros 24 países com registo de casos. O Egito foi o mais recente país a confirmar a presença do coronavírus.

Na manhã deste sábado, 15 de fevereiro, foi ainda confirmada a primeira morte na Europa com o coronavírus. A vítima era um homem chinês de 80 anos que estava hospitalizado em Paris, França, desde o final de janeiro. Era natural de Hubei, a zona da China mais afetada por esta pneumonia.