Saúde

Cão passa três meses em hospital de Wuhan à espera de dono que morreu com Covid

Uma pessoa que trabalha no local decidiu chamar-lhe Xiaobao, que significa "pequeno tesouro".
Um ato de lealdade tão puro.

Os animais conseguem realmente ser os melhores amigos das pessoas – e o Xiaobao é a prova disso mesmo. Todos os dias, durante três meses, este cão ficou no Wuhan Taikang Hospital, na cidade de Wuhan, na China, à espera do seu dono, que morreu no local infetado pelo novo coronavírus.

O cão, com cerca de sete anos, rapidamente conquistou o coração de vários profissionais de saúde que trabalham no local, que o alimentaram e cuidaram durante aquele período. Ele tinha chegado ao hospital com o dono durante o auge da pandemia na China, em meados de fevereiro.

Aqui está ele.

Como avança o jornal “NY Post“, depois de cinco dias internada, a pessoa acabou por morrer com uma pneumonia, associada à Covid-19. E o cão por lá ficou à espera de voltar a reencontrar o seu dono. Wu Cuifen, responsável por um supermercado que fica dentro do hospital, disse que tentou afastar o cão daquela zona e que ele simplesmente se recusou a fazê-lo – acabando mesmo por lá ficar durante três meses.

Espantada com a sua lealdade, Cuifen decidiu dar-lhe um nome: Xiaobao, que significa “pequeno tesouro”. O animal acabou por passar grande parte dos dias com Cuifen na sua loja. “Ele nunca saiu do hospital. Foi incrivelmente tocante e tão leal. Todas as manhãs, quando abria, Xiaobao estava lá à minha espera. E via-me sempre no final de cada dia”, explicou.

Com o passar do tempo, vários pacientes mostraram-se descontentes com a presença do cão no hospital e reclamaram à administração. Os profissionais de saúde do local decidiram então entrar em contacto com a Associação de Proteção a Animais de Wuhan, que levou Xiaobao para as suas instalações. Ele foi tratado por veterinários para que pudesse ser realojado rapidamente. No dia 24 de maio, a associação começou à procura de pessoas para uma adoção responsável de Xiaobao. 

Xiaobao a caminho do novo abrigo, com a associação.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT