NiTfm live

Saúde

Atenção: Minipreço está a recolher iogurte magro das lojas

Os supermercados pediram aos clientes para devolverem imediatamente o produto.
Dirija-se à loja mais próxima.

Se comprou recentemente o iogurte magro de pedaços da marca DIA, leia o rótulo com atenção. As lojas do Minipreço alertam para lotes com defeito de fabrico e pedem aos clientes que devolvam imediatamente o produto.

Trata-se das versões de morango, ananás, maçã e pêssego no pack de oito iogurtes de 125 gramas, “com datas de validade de 24/2/2020, 27/2/2020, 8/3/2020 e 12/03/2020”, disse o DIA ao “Hipersuper”.

“O iogurte, cujo sabor e textura poderiam estar alterados, é o de pêssego. Esse defeito, todavia, não produz riscos para a saúde, estando apenas alteradas as suas propriedades organolépticas”, acrescenta.

Desde 15 de fevereiro que o produto está a ser retirado dos supermercados da cadeia “de forma preventiva”, após um alerta do fabricante Longa Vida — Nestlé. O Minipreço apela ao não consumo deste produto e garante que irá devolver o dinheiro aos clientes que entregarem as embalagens na loja mais próxima.

O Pingo Doce também está a recolher dois produtos impróprios para consumo. Como a NiT noticiou a 20 de fevereiro, são eles os canelloni de espinafres com ricotta (um quilo) e a lasanha de espinafres e queijo cabra (um quilo).

“Estamos a proceder à recolha preventiva de lotes indicados destes produtos devido a uma possível presença de vestígios de plástico”, pode ler-se numa nota publicada no site oficial a 19 de fevereiro.

No casos dos canellonis, os lotes afetados são os seguintes: L20029, L20037, L20041 e L20043. Já os clientes que têm a lasanha com o número de lote L20034, L20036, L20041 ou L20044, também devem entregá-la imediatamente. Basta olhar para o rótulo para verificar estes números.