Ginásios e outdoor

GO fit reabre ginásios com medidas especiais extra contra a Covid-19

Os clubes de Olivais e do Campo Grande funcionam segundo um protocolo apoiado por virologistas.
A segurança está garantida.

“Queremos dar-lhe as boas vindas à nova normalidade do GO fit, na qual poderá continuar a desfrutar de todas as nossas instalações e atividades com a maior segurança e a melhor experiência que possa encontrar”, escreveu a cadeia de ginásios nas redes sociais a 12 de junho, dia em que os clubes voltaram a abrir as portas, após mais de dois meses fechadas.

Além das medidas de segurança recomendadas pela Direção-Geral da Saúde, a marca desenvolveu o seu protocolo anti-covid, com a ajuda do GO fit Lab. As regras tomadas foram apoiadas por virologistas especialistas e epidemiologistas de Saúde Pública da Universidade Sheffield Hallam e da Universidade King Juan Carlos, em Madrid, Espanha.

Os clubes de Olivais e do Campo Grande, ambos em Lisboa, passam a funcionar de uma forma especial. Há um tapete de desinfeção à entrada, as passadeiras e outras máquinas estão divididas com barreiras de acrílico e o ar dos centros está livre de vírus, bactérias e poluição em 99,99 por cento, “graças à instalação de equipamentos de purificação de ar com filtros HEPA, que permanecerão para sempre nos centros e garantem a máxima segurança”. 

A marca destaca, ainda, que a água das piscinas também está 100 por cento livre de vírus, bactérias e poluição, já que foi instalado um Sistema de Eletroporação sem aditivos químicos.

“Com a implementação de todas as medidas de proteção estabelecidas pelo Ministério da Saúde, que cumprindo com o nosso compromisso de autoexigência, as aumentámos”, foi possível elevar a segurança dos centros “num índice de 7,4 em oito”, garante a GO fit.

Há sinalética no chão.

Alfonso Jiménez, diretor de investigação e inovação do GO fit Lab, explica que “a estratégia desenhada para a abertura destes centros não está apenas pensada para reduzir o medo do vírus, mas basicamente para eliminar a raiz do problema e tornar muito difícil o contágio do Covid- 19”.

Além disso, os colaboradores destes ginásios passaram por uma formação específica destinada a lidar com a doença.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT