NiTfm live

Ginásios e outdoor

Drew Barrymore sobre a perda de 10 quilos: “Fiquei no meu closet e apenas chorei”

A atriz de 44 anos explicou no Instagram como foi difícil superar a pressão de Hollywood para ter um tipo de corpo padrão.
Está focada no bem-estar.

As últimas duas semanas da presença de Drew Barrymore nas redes sociais foram dedicadas ao bem-estar. Desde dicas de alimentação a conversas sobre ioga, a atriz de 44 anos parece realmente empenhada nesta área. No entanto, foram as suas publicações mais recentes que criaram uma corrente de solidariedade para quem, tal como ela, sente a pressão de ter um corpo dentro dos padrões de beleza da sociedade.

A 18 de fevereiro, por exemplo, partilhou uma fotografia com alguém que a ajudou na sua jornada de perda de peso. Chama-se Marnie Alton, é uma das personal trainers mais famosas de Hollywood, nos Estados Unidos, e conhecem-se há 15 anos. É a esta especialista que a atriz atribui o sucesso da sua cura, como costuma dizer.

“Esta mulher é minha professora de longa data e uma querida amiga importante. Ela ajudou-me. Curou-me. Incentivou-me a continuar quanto senti que ser forte era uma tarefa impossível”, pode ler-se na descrição.

A também empresária explica que pediu ajuda à PT para transformar o seu corpo para uma série da Netflix chamada “Santa Clara Diet” (2017), na qual era protagonista. Conseguiu perder dez quilos enquanto cumpria o seu papel de mãe — Drew tem duas filhas, Olive (sete anos), e Frankie (cinco anos).

Em apenas dois dias, a publicação onde fazia vários elogios à amiga somou mais de 400 mil gostos e dois mil comentários, onde muitos dos seus 12 milhões de seguidores agradecem o facto de ser uma inspiração e de contar a realidade sem filtros. 

Porém, foi a 19 de fevereiro que a estrela de “Os Anjos de Charlie” fez parar a Internet. Drew Barrymore partilhou uma montagem com o seu antes e depois, onde está visivelmente mais magra e tonificada.

“Subo e desço. A montanha russa do meu corpo é um percurso desafiador, mas bonito. Fiz dois filhos. O único propósito para estar neste planeta é para eles. É um verdadeiro milagre ter tido estas duas miúdas. Por isso, independentemente do resultado do meu corpo, vamos lá”, escreve na legenda das duas imagens.

Foi também nessa longa descrição que não teve medo de admitir que foram muitas as vezes em que odiava vestir-se, uma vez que não gostava de se ver com nada.

“Houve momentos em que fiquei no meu closet e apenas chorei. Odiava vestir-me. Não me fazia sentir bem. É preciso muito para parecer decente. Tenho de comer bem e trabalhar no duro.”

Drew Barrymore apela aos seus seguidores para não se deixarem enganar quando vêem as pessoas magras logo depois do parto e para não se compararem com quem está nas capas de revistas e nas passadeiras vermelhas.

“Se pareci decente com qualquer coisa que fiz desde que tive as minhas duas filhas, foi porque fiz o meu caminho até lá. Tu também podes! No entanto, é difícil manter e pode tirar muita alegria da vida com comida. Mas agora já não. AGORA, descobri o elusivo B, chamado BALANCE. Levei apenas 45 anos para me encontrar (…) Estou onde devia estar. E não é perfeito. Mas sou eu. E o mais importante, quero partilhar contigo”, escreveu.

Neste momento, mais do que nunca, a fundadora da marca Flower Home considera a saúde a prioridade e coloca o bem-estar vários patamares acima da necessidade de atingir um determinado peso.

“Chega-se a um ponto em que se percebe a importância da sua saúde e bem-estar. É uma obrigação. Quero ser capaz de acompanhar os meus filhos e ser mãe a tempo inteiro e, como mãe solteira, às vezes é o dobro da carga de trabalho… Tenho de cuidar realmente de mim”, disse Drew à revista americana “People”, em junho de 2019.

Nessa mesma entrevista, na qual já revelava a sua jornada nesta área, confessou que nunca aceitou a pressão de Hollywood para perder peso.

“Sempre fui uma grande defensora de abraçar a própria genética, porque nunca fui naturalmente tão magra”. E continuou: “A minha meta de peso não é fácil para mim. Só sabia que, geneticamente, seria preciso passar fome e passar 24 horas a trabalhar para ter esse tipo de corpo, e essa não era a minha prioridade. Quero liderar empresas, ter filhos e desfrutar de comida e vinho.”

Com a total noção de que não é o tamanho da roupa que importa, Drew Barrymore está empenhada em ser saudável e transmitir esta mensagem ao mundo, demonstrando que não precisamos de uma determinada silhueta para sermos felizes.

Depois da gravidez.