Ginásios e outdoor

Uma corrida solidária para participar com o seu animal no Jamor

Oeiras recebe a segunda edição do evento que traz um programa completo dedicado aos cães e aos donos.

Olhe que retrato de família tão bonito.

Depois da primeira edição em março, o Parque Urbano do Centro Desportivo Nacional do Jamor, em Oeiras, volta a receber a Corrida do Animal na Animal-Zone a 4 de novembro, sábado. Este evento traz consigo várias atividades para fazer com o seu animal de estimação, desde a famosa corrida a apresentações de marcas, empresas e associações que desenvolvem iniciativas por esta causa. E as inscrições já estão abertas.

O evento solidário inclui, além da corrida e caminhada, a angariação de alimentos para animais abandonados, obtenção de fundos para as associações parceiras da Corrida do Animal e uma feira de adoção de animais.

O início da prova está previsto para as 16h30 e todos os participantes podem optar por correr ou caminhar num percurso de quatro ou oito quilómetros, com partida e meta no Centro Desportivo Nacional do Jamor. Qualquer pessoa pode participar, com ou sem animal. No entanto, apenas contará para os resultados finais os donos que correrem ou caminharem com o seu animal de estimação. Vão existir dois postos de abastecimento durante o percurso e outro na zona da meta.

Tanto na corrida como na caminhada poderão participar animais que tenham as vacinas atualizadas, que estejam registados, tenham microchip e que se façam acompanhar pelos seus donos, maiores de 12 anos. O uso de trela é obrigatório.

O evento começa 10 horas na Animal-Zone e as inscrições podem ser feitas em duplas (um animal e um dono) ou em triplas (um animal e dois donos). Na primeira opção, o preço da inscrição varia entre 11€ e 16€. No caso da inscrição tripla, o preço é de 19€ (percurso de quatro quilómetros) ou 21€ (trajeto de oito quilómetros). A inscrição pode ser feita online. O regulamento está disponível no site da Corrida do Animal. 

corrida do animal
Foto de Corrida do Animal/Facebook
Quero sugerir uma alteração ao texto ou enviar uma mensagem ao autor deste artigo