NiTfm live

Ginásios e outdoor

Astronautas da NASA mostram como se mantêm em forma em isolamento

Jessica Meir, assim como os seus colegas, estão a motivar quem está fechado em casa por causa da pandemia.
Meir mostra que tudo é possível, desde que se tenha vontade e imaginação.

Se há quem saiba o que é estar em isolamento, esse título vai para os astronautas, que chegam a passar anos no espaço. Em fevereiro, por exemplo, regressou à terra Christina Koch, 41 anos, após 328 dias na Estação Espacial Internacional, tornando-se a mulher que mais tempo seguido passou no espaço. Quem está agora em missão é Jessica Meir, que juntamente com alguns colegas, deixou um vídeo de motivação para quem está fechado em casa por causa da pandemia.

O truque está em ser criativo. Por exemplo, Meir recorre a equipamentos improvisados, como um sistema de vácuo idêntico a pesos livres, uma esteira com cordões elásticos e uma bicicleta ergométrica.

Foi através de um vídeo publicado na sua conta de Twitter, a 1 de abril, que a astronauta da NASA fez uma verdadeira excursão pelo seu treino. “Os estudos mostraram que o exercício é vital não só para a saúde física, mas também para o bem-estar mental”, diz.

“Pode precisar de um pouco de criatividade para aumentar a frequência cardíaca em casa sem ir ao ginásio, mas estamos confiantes de que consegue propor alguma coisa”, continua Jessica Meir.

A bordo desta estação está o Advanced Resistive Exercise Device (aRED), que, de acordo com Meir, é a máquina de pesagem completa da tripulação que usa dois grandes tubos de vácuo para gerar a resistência.

“Uma das coisas interessantes que gostamos de apontar para as pessoas que é que é uma bicicleta, mas não nos sentamos”, disse, enquanto se amarrava na bicicleta e colocou as alças presas à parede. 

Um outro astronauta da NASA, Scott Kelly, que passou quase um ano na Estação Espacial Internacional, também partilhou os seus melhores conselhos para sobreviver ao isolamento num artigo de opinião para o jornal norte-americano “New York Times”.

O agora astronauta reformado passou um total de 520 dias naquela estação, com a sua missão mais longa a durar 340 dias, de 27 de março de 2015 a 1 de março de 2016.

Kelly escreveu que aquilo de que mais sentiu falta durante o ano em que esteve lá foi não poder sair, principalmente para ter o cheiro, o som e as vistas da natureza.

O ex-astronauta aconselha as pessoas que estão em isolamento a fazer uma espécie de agenda, onde podem incluir hobbies ou assistir a séries, por exemplo.

“Não precisa de treinar duas horas e meia por dia, como os astronautas, mas mexer-se uma vez por dia deve fazer parte da sua rotina de quarentena — fique a pelo menos um metro e meio de distância dos outros”, acrescentou.

Uma sugestão de treino eficaz (e curto) para fazer em casa

Se está sem ideias de exercícios para fazer em casa, a NiT sugere um treino popular que ajuda a emagrecer e tonificar. Portanto, além de queimar calorias, o circuito de seis exercícios permite trabalhar o rabo, os abdominais e as pernas.

Um dos exercícios recomendados é o conhecido mountain climber, que a NiT já sugeriu como um dos melhores aliados para ter a barriga lisa. A razão é o facto de este movimento juntar todos os benefícios de uma prancha, aumentando a exigência em mobilidade e intensidade para o centro do corpo.

Além de ser um treino curto, não precisa de equipamentos. A única coisa que deve garantir é que tem espaço suficiente para se movimentar e um tapete de ginástica por perto para treinar confortavelmente.

Carregue na galeria para descobrir quais são (e como se fazem) os exercícios que compõem o treino mais popular do momento.