NiTfm live

Alimentação Saudável

Vinho tinto ou branco: qual é a melhor opção para a dieta?

Se tem esta dúvida, a nutricionista Bárbara de Almeida Araújo acaba com ela neste preciso momento.

A resposta é capaz de surpreendê-lo.

Normalmente escolhe-se o vinho com base no seu sabor, textura e aroma. No fundo, tendo em conta as preferências de cada um. Porém, há um grupo de pessoas que acrescenta mais um critério: se é amigo da dieta. Por outras palavras, se vai engordar ou não.

Se comparar um copo de vinho com um copo de cerveja, o vinho apresenta mais calorias por causa do teor alcoólico mais elevado. Porém, se o fizer com o whisky ou o gin, o vinho já ganha o título de menos calórico. Há também quem diga que esta bebida não provoca a popular “barriga de cerveja”.

A parte menos boa desta bebida está relacionada com o açúcar residual. Isto é, aquele que não se transforma em álcool durante a fermentação.

Mas há um tipo de vinho melhor?

Segundo a nutricionista Bárbara de Almeida Araújo, para produzir vinho branco, a pele e sementes das uvas são retiradas antes da fermentação. Resultado: confere um sabor mais adocicado ao vinho, por não conter taninos — substâncias antioxidantes presentes, principalmente, na casca e sementes.

Já o vinho tinto é produzido com as uvas inteiras, ou seja, com a pele e sementes. Por esta razão, este tipo de vinho é particularmente rico em antioxidantes.

“O vinho tinto ganha pelos benefícios que traz para a saúde. Ele pode reduzir o risco de doença cardíaca, retardar o declínio mental relacionado com a idade, prevenir cancro, diabetes, combater o envelhecimento precoce da pele , ainda, e aumentar os níveis de colesterol”, explica à NiT.

Portanto, se o objetivo é manter um estilo de vida saudável e não a perda de peso, o tinto traz mais vantagens.

Em termos nutricionais, eles são bastante semelhantes. Mas há dois aspetos que os diferenciam: o vinho tinto contém uma quantidade de vitaminas e minerais ligeiramente superior; já o vinho branco tem menos calorias.

De acordo com a especialista, um copo de vinho tinto tem 125 calorias e o de branco, 121. Ou seja, uma diferença de quatro calorias. Porém, para quem está a fazer uma dieta com base na contagem de calorias, pode fazer toda a diferença no momento da pesagem. Quanto aos gramas de hidratos de carbono e açúcar presentes nos dois tipos de vinho, são iguais: um copo soma quatro de hidratos e um grama de açúcar.

“Se beber um copo de vinho tinto por dia não só não prejudica a dieta como pode obter todos os benefícios do seu consumo e melhorar a sua saúde”, diz à NiT a também autora do blogue “Manias de Uma Dietista“.