NiTfm live

Alimentação Saudável

Os vegetarianos são realmente mais saudáveis? Claro que não

Tudo depende das escolhas que faz no dia a dia, segundo a nutricionista Mafalda Rodrigues de Almeida.
As dúvidas acabam agora.

Há quem siga a 100 por cento uma alimentação vegetariana por estar preocupado com o ambiente e a sustentatibilidade do planeta. Para outro grupo de pessoas, o principal incentivo é a saúde e a perda peso. Mas tem a certeza que pelo simples facto de ser vegetariano está a seguir uma alimentação saudável? E que, com isso, vai emagrecer? 

Vamos por partes. Uma alimentação saudável tem em conta as necessidades de cada pessoa. E mais: deve ser suficiente, equilibrada e adaptada a cada situação e circunstância.

Já a dieta vegetariana é um termo geralmente atribuído a um padrão de consumo alimentar que utiliza produtos de origem vegetal. Portanto, exclui sempre a carne e o peixe. Mas existe a possibilidade de incluir ovos (ovo-vegetariano), produtos lácteos (lacto-vegetariano) ou ambos (ovo-lacto-vegetariano).

As razões que levam à adoção deste tipo de alimentação podem ser, lá está, a preocupação com o planeta. Mas não só. Os direitos dos animais e as questões religiosas ou espirituais também pesam nesta decisão, assim como a preocupação em melhorar a saúde no geral.

Feita a introdução, vamos lá responder à pergunta inicial: segundo a nutricionista Mafalda Rodrigues de Almeida, optar por uma dieta vegetariana não quer dizer que passará a ser uma pessoa mais saudável.

“Se for mal planeada pode ser tão prejudicial quanto uma dieta não vegetariana desequilibrada. Por exemplo, se houver um défice de nutrientes essenciais ou se for rica em produtos excessivamente processados (chegando a fornecer uma quantidade maior de gordura, calorias ou sal), não é de todo uma boa opção”, alerta à NiT.

“Numa alimentação vegetariana é bastante fácil alcançar ou até mesmo exceder o aporte energético (calorias) ideal”

É que alimentos como a maior parte das bolachas, batatas fritas, cereais de chocolate ou aperitivos salgados são considerados aptos para vegetarianos. No entanto, não deixam de ser alternativas a evitar.

Por outro lado, de acordo com a especialista, alguns destes produtos processados podem conter ingredientes e aditivos de origem animal, como albumina, gordura animal, corantes, caseína e glicerina.

“Mas é importante ter noção de que é possível seguir uma dieta vegetariana com o uso mínimo de suplementos ou produtos processados estranhos à nossa tradição alimentar.”