NiTfm live

Alimentação Saudável

Nem imagina quantas calorias tem um ovo mole

A NiT revela-lhe esta curiosidade, bem como a história do doce conventual.
Vai ficar surpreendido.

Os ovos moles de Aveiro são um dos doces conventuais de origem secular da gastronomia portuguesa. O seu fabrico mantém a tradição, de geração em geração. Há documentos que comprovam que o rei D. Manuel I autorizava a compra de grandes quantidades de açúcar da ilha da Madeira para o convento de Jesus, em Aveiro, em 1502.

A doçaria conventual era usada, na altura, como remédio na convalescença de doentes. Já em 1908, os ovos moles eram referidos como sobremesa nos almoços reais. Hoje em dia, continuam a ser um símbolo de referência da cidade de Aveiro, e não há quem a visite sem os provar.

Os ovos moles de Aveiro obtêm-se pela junção de gemas cruas de ovos a uma calda de açúcar. São vendidos envolvidos em hóstia ou dentro de barricas (de madeira ou porcelana). Se já provou este doce maravilhoso certamente que acha que é bastante calórico.

Mas engana-se. É que cada ovo mole só tem 72 calorias. Isso equivale a, por exemplo, um iogurte, quatro bolachas, um pão e meio, ou meia barra de chocolate. A informação, que pode ser lida no panfleto da empresa Ovos Moles de Aveiro, refere ainda que este doce é também uma fonte de vitamina A (8,7 por cento da dose diária recomendada) e de vitamina D (7,8 por cento).

Agora já sabe que não precisa de se sentir culpado quando comer um ovo mole se visitar a bonita cidade de Aveiro, ou se os comprar numa superfície comercial, uma vez que já estão à venda em todo o País. Pode até, em dias especiais, comer dois, sem estragar a dieta.

Carregue na galeria para conhecer as calorias de outros alimentos, como um tremoço ou uma Bola de Berlim.