NiTfm live

Alimentação Saudável

Estudo revela que beber 4 cafés por dia ajuda a emagrecer

Segundo investigadores da Universidade de Illinois, nos EUA, o consumo extra de cafeína tem efeitos positivos na perda de peso e de gordura corporal.
Quatro cafés e a conta, por favor.

Há boas notícias para quem não passa um dia sem beber, pelo menos, uma chávena de café. De acordo com um novo estudo divulgado recentemente pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, o consumo de cafeína ajuda a reduzir o armazenamento de lípidos nas células de gordura e a limitar o ganho de peso.

A investigação agora revelada analisou o impacto do consumo de cafeína em ratos. Ao longo de quatro semanas, as cobaias receberam doses de cafeína extraída do chá mate, do café e até de cafeína sintética. A dieta dos ratos continha 40 por cento de gordura, 45 por cento de hidratos de carbono, 15 por cento de proteínas e ainda uma dose de cafeína equivalente a quatro chávenas de café.

Os resultados mostraram que as cobaias que consumiram a substância extraída do chá mate ganharam 16 por cento menos peso e acumularam 22 por cento menos gordura corporal do que aqueles que consumiram o mesmo chá descafeinado. Já em relação ao café ou a cafeína sintética, os efeitos no organismo foram semelhantes.

O chá mate tradicional da América do Sul, mais especificamente do Brasil, é feito a partir das folhas secas de um azevinho verde (erva-mate). É o seu efeito termogénico que o torna a bebida perfeita para a dieta, uma vez que acelera o metabolismo e, consequentemente, queima mais gordura. Além disso, aumenta a quantidade de energia despendida.

A quantidade de cafeína por porção de chá mate varia entre 65 e 130 miligramas, em comparação com 30 a 300 miligramas de cafeína existente numa chávena de café, de acordo com o estudo.

A investigação publicada no “Journal of Functional Foods” contribui para o corpo de pesquisa que tem sugerido que a erva-mate pode ser uma grande aliada no combate à obesidade e no fornecimento de outros benefícios para a saúde. 

De acordo com as descobertas, o chá mate e a cafeína podem ser considerados agentes anti-obesidade. O resultado da pesquisa pode ser dimensionada para humanos para entender os papéis do chá mate e da cafeína como estratégias potenciais para prevenir sobrepeso e obesidade, bem como os subsequentes distúrbios metabólicos associados a essas condições”, disse Elvira Gonzalez de Mejia, coautora do estudo e diretora da divisão de ciências nutricionais da Universidade de Illinois, em entrevista ao site “Illinois News Bureau“.

Se pretende emagrecer, a versão quente do chá mate, sem a utilização de açúcar ou adoçantes, é a melhor opção. Mas há outros chás que pode fazer em casa e que também são aliados na dieta. Carregue na galeria para descobrir quais são.