NiTfm live

Alimentação Saudável

Devemos comer menos fruta se quisermos perder peso?

A NiT e a nutricionista Maria Gama vão acabar com esta dúvida de uma vez por todas.

Quando se está a tentar perder peso, passa-nos tudo e mais alguma pela cabeça, incluindo se a fruta será mesmo amiga da dieta. É que há quem diga que é preciso cortar neste superalimento para conseguir resultados. Mas será mesmo assim? Vamos acabar com esta dúvida de uma vez por todas.

Não há dúvida de que são alimentos fundamentais para o bom funcionamento do organismo, certo? E, segundo a nutricionista Maria Gama, a fruta é um alimento fresco, que tem água na sua composição, bem como vitaminas, minerais e fibra, que são essenciais para um estilo de vida saudável.

“Todos os tipos de fruta devem ser consumidos, já que cada um deles contribui com nutrientes importantes. Eles também possuem hidratos de carbono simples, o que muitas vezes leva as pessoas a considerarem que é um alimento que deve ser retirado da alimentação quando se quer emagrecer, mas isso não está certo”, explica à NiT.

É que de acordo com a também autora do blogue “Põe-te na Linha“, como em todos os alimentos, consumo deve ser feito com “conta, peso e medida”. Ou seja, a ingestão de fruta deve ser equilibrada.

No fundo, tem tudo a ver com quantidades. Se comer 10 peças de fruta por dia, não vai obter um bom resultado. O consumo diário recomendado é de duas a três peças de fruta, mas depende.

“O consumo de fruta deve ser adequado à pessoa em questão, dependendo dos seus hábitos diários, necessidades energéticas e prática de exercício físico. Quando queremos perder peso o importante é que, na realidade, o plano alimentar esteja de acordo com os fatores anteriores, incluindo a fruta nesse planeamento”, acrescenta.

Lembre-se de que a fruta é bastante utilizada para adoçar bolos, queques e muffins, de forma a evitar a adição de açúcar.

“É que não faz sentido nos preocuparmos em retirar a fruta da alimentação quando se quer perder peso, enquanto se continua a comer doces, sobremesas, produtos processados e industrializados. Isto, sim, deve ser retirado da alimentação. A fruta é um alimento saudável e que deve ser incluído num estilo de vida saudável”, conclui Maria Gama.

Porém, para acalmar quem está preocupado com os hidratos de carbono, a NiT fez uma lista com as cinco frutas com maior e menor quantidade deste nutriente. Carregue a galeria e tome nota.