NiTfm live

Alimentação Saudável

5 dicas simples que vão (sempre) ajudá-lo a perder peso

Segundo a nutricionista Sónia Marcelo, são também truques para manter uma alimentação saudável a longo prazo.
Este cenário vai acabar.

“Não faça dieta mas, sim, reeducação alimentar. É importante praticarmos uma alimentação saudável e com a qual nos sintamos bem. É isto que realmente vai ajudá-lo a atingir e manter o seu objetivo, seja ser mais saudável, perder ou controlar o peso”, diz à NiT a nutricionista Sónia Marcelo.

Esta regra aplica-se a qualquer pessoa. Portanto, mais importante do que alterar os nossos hábitos alimentares por um período de tempo limitado — como no verão, já que sabemos que vamos ter o corpo mais exposto —, temos de torná-los numa máxima de vida.

A especialista, que é autora do blogue “Dicas de Uma Dietista“, partilhou cinco dicas que vão ajudar a criar uma rotina saudável, assim como a perder peso sempre que hajam quilos a mais (ou evitar que isso aconteça).

1. Não seguir dietas da moda

“Existem variadíssimas dietas, como a da sopa, da lua, do grupo sanguíneo, entre outras que prometem uma perda de peso rápida. Contudo, esta perda é quase sempre à base de massa muscular e água. Este tipo de dieta está longe de ser saudável, além de provocar mudanças desastrosas no metabolismo. Portanto, é essencial consultar um nutricionista e seguir uma dieta prescrita especialmente para si”, alerta à NiT a nutricionista.

2. Fazer uma ingestão hídrica adequada

Este pode ser um dos factores menos fácil de cumprir, já que há muita gente que diz não ter sede e não conseguir beber pelo, menos, 1,5 litros de água por dia. O problema é que é mesmo importante manter-se hidratado para emagrecer. Além de água, faça chás e infusões e leve consigo para todo o lado.

3. Não passar longos períodos em jejum

Segundo a especialista, ficar longas horas sem comer não emagrece, ao contrário do que muita gente pensa. “É verdade que a ingestão calórica será zero durante o jejum mas, por isso, o organismo acaba por entrar em modo de poupança e acumula uma maior quantidade de gordura. Comer várias vezes ao longo do dia, em intervalos no máximo de quatro horas, pode evitar que o corpo entre neste estado de alerta. Além disso, mantém-nos saciados durante mais tempo, ingerindo menor quantidade nas refeições seguintes”, explica.

4. Evitar alimentos industrializados e muito processados

A correria do dia a dia tende a obrigar-nos a comprar alimentos já prontos a consumir. No entanto, é preciso contrariar esta tendência. Não podemos esquecer-nos de que estes alimentos que parecem facilitar-nos a vida no momento vão, na verdade, prejudicar-nos. Porquê? Porque contêm altos teores de sódio, açúcar e gorduras, bem como de conservantes e aditivos alimentares.

5. Preparar e cozinhar as suas refeições

As mudanças não são fáceis e a introdução de uma dieta faz parte do grupo. É por isso que deve pensar nisto como uma nova tarefa no dia a dia. “Não há nada melhor do que cozinhar as próprias refeições, com alimentos frescos e saudáveis”, sugere à NiT Sónia Marcelo.

Como sabemos que pode ser difícil criar a lista de compras perfeita, a NiT revela os 13 alimentos que deve ter sempre em casa para controlar o apetite e o peso. Carregue na galeria para saber quais são.