NiTfm live

Alimentação Saudável

10 receitas de saladas para comer nos dias quentes (e manter a dieta)

Há uma versão com maçã espiralizada, outra que junta quinoa e legumes e, ainda, uma opção com queijo fresco e amêndoa.
Pode experimentar uma todas as semanas.

As saladas podem ser as nossas melhores ou piores amigas. Embora sejam vistas como um prato que ajuda a perder ou a controlar o peso, tudo depende dos ingredientes utilizados. É que basta errar um para estragar o seu objetivo.

Segundo a nutricionista Maria Gama, há uma lista de seis alimentos que nunca devem constar na receita: croutons, queijo gordo, queijo ralado, molhos, bacon e presunto — eles são ricos em gordura.

“No meu caso, normalmente, a salada é com ingredientes à escolha e costuma ser à base de massa com alface ou só base de alface e rúcula e mais duas ou três doses de salmão fumado. Adiciono, ainda, uma dose de brócolos ou espinafres e ovo”, revela a especialista.

Já a nutricionista Bárbara de Almeida Araújo não dispensa a sua versão de maçã espiralizada, por ser refrescante e estar pronta em menos de dez minutos. É uma salada carregada de vitaminas, minerais e fibras.

“Esta receita também contém arandos, que são uma excelente fonte de fibra, potássio, vitamina C, magnésio, fósforo e antioxidantes. E os benefícios para a saúde são diversos: previnem alguns tipos de cancro como o da próstata, pulmão e útero, previnem infeções urinárias e reduzem o colesterol total e o LDL-colesterol”, explica à NiT.

Requeijão e frutos secos são uma das combinações favoritas de Mariana Abecassis. A também nutricionista garante que é ótima opção para a primavera e para o verão, uma vez que é fresca, leve e nutritiva.

Carregue na galeria para descobrir as dez receitas de saladas, sugeridas por estas especialistas, que vão ajudá-lo a manter a dieta nos dias quentes.