Alimentação Saudável

5 receitas com massa (falsa) para comer e não engordar

Espiralizar é fazer esparguete sem massa, usando antes batata doce, courgete, abóbora ou beterraba. As receitas são da nutricionista Lillian Barros.

Não há nada mais delicioso e irresistível do que um bom prato de massa. Fica bem com tudo, há centenas de receitas deliciosas e por mais que estejamos cheios, parece que apetece sempre mais. O problema é que a massa é um hidrato de carbono. E, por isso, comer demais significa que estamos a consumir muitas calorias, que têm uma grande probabilidade de se instalar no nosso corpo em forma de gordura. Agora imagine que podia abusar, à vontade, de um prato de bolonhesa?

Uma das grandes novas tendências da alimentação é a de espiralizar a comida: desde a courgete, à abóbora, à cenoura ou até à batata doce. O que é que é isto de espiralizar? Basicamente, é cortar este tipo de alimentos em tirinhas muito finas, com a ajuda de um espiralizador. Resultado: todos eles ficam a parecer-se com massa. A diferença é que são muito mais saudáveis, com todas as propriedades nutricionais que lhes são inerentes e muito pouco calóricos. É isso: pode abusar e não sentir pesos na consciência.

Por isso, a NiT falou com a nutricionista Lillian Barros, autora do blogue “Santa Melancia“, que nos deu cinco receitas simples (e deliciosas) com produtos espiralizados—e um deles ébolonhesa.

Para os conhecer, carregue na imagem.

Quero sugerir uma alteração ao texto ou enviar uma mensagem ao autor deste artigo