Televisão

BBC pode colocar atores em quarentena coletiva para garantir produção de séries

O objetivo da cadeia britânica é manter todos os atores, realizadores e outro staff todos juntos, num espaço seguro durante a produção.
Peaky Blinders é uma das séries que preocupa.

O eventual prolongamento da ordem de isolamento no Reino Unido está a deixar muitos setores da economia preocupados, particularmente a indústria de produção de filmes e séries. A possibilidade de um programa de desconfinamento só vai ser avaliada pelo governo britânico no próximo dia 7 de maio, mas a BBC já está a preparar um plano B, no caso de ser necessário prolongar a quarentena.

De acordo com a “Indiewire“, a estação inglesa teme ficar sem material novo para transmitir, pelo que já definiu uma solução: juntar todos os membros necessários à produção de uma série e mantê-los numa quarentena conjunta durante as gravações. Segundo explicou Piers Wenger, responsável da BBC para a produção de séries, este plano passa por testar todos os elementos à Covid-19 e colocar em confinamento coletivo todos os que estejam negativos, até ao fim das gravações.

“Isto permitiria que os atores interagissem de forma livre, sem qualquer risco para a sua segurança ou dos restantes elementos da equipa de produção”, sublinhou Wenger numa vídeo-conferência para o festival de televisão de Edinburgo, na Escócia. “Eastenders” e “Peaky Blinders” são algumas das séries que a transmissora britânica acredita que podem ser gravadas nestas circunstâncias.

A BBC reconhece, contudo, que este plano teria um impacto profundo nas finanças da emissora britânica. “Pedir a grandes estrelas que estejam totalmente confinadas num determinado espaço por um longo período de tempo vai aumentar substancialmente os custos de produção”, referiu aquele responsável, sublinhando, no entanto, que “esta é a única forma de ter novas séries e, ao mesmo tempo, respeitar as regras de isolamento social”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT