Teatro e exposições

Há um novo mural de arte urbana em Lisboa para celebrar a Capital Verde Europeia

Está na Avenida Calouste Gulbenkian, entre a Praça de Espanha e o Aqueduto das Águas Livres. Foi concluído na quarta-feira.

Enquanto o País enfrenta uma pandemia global que está a ter efeitos económicos sem precedentes, Lisboa continua a ser a Capital Verde Europeia em 2020 e a agenda não parou. Entre as últimas novidades está um mural com mais de mil metros quadrados assinado por Smile1art.

Fica na Avenida Calouste Gulbenkian, entre a Praça de Espanha e o Aqueduto das Águas Livres, e foi batizado como Mural do Compromisso, um nome simbólico para representar as cerca de 200 empresas, escolas e organismos públicos que assumiram em janeiro o Compromisso Lisboa Capital Verde Europeia 2020 – Ação Climática Lisboa 2030.

capital verde
Tem mil metros quadrados.

Com esse passo, comprometeram-se a a contribuir para a agenda de metas ambientais da capital portuguesa durante os próximos dez anos, que prevê mais de duas mil iniciativas. Nelas, incluem-se medidas de iluminação LED, reutilização das águas, equipamentos fotovoltaicos, veículos elétricos, reciclagem e a eliminação de plásticos descartáveis.

A Galeria de Arte Urbana GAU apoiou a iniciativa artística que se pode ver agora, pintada pelo artista Ivo Santos (conhecido por Smile1art) e que está oficialmente concluído desde esta quarta-feira, 27 de maio.

No Facebook, o autor publicou um vídeo onde se pode ver todo o processo de criação, no qual explica que o mural foi feito em graffitti e azulejo, este segundo material conseguido em colaboração com a fábrica Viúva Lamego.

Na página da GAU, é também possível ver uma galeria com várias fotografias do projeto, que se junta aos vários já desenvolvidos pela capital a propósito da distinção de Capital Verde.

Em janeiro foi feita a maior plantação de árvores num único dia na cidade — foram 20 mil, espalhadas por várias zonas. A propósito da cerimónia de abertura do Lisboa Capital Verde Europeia 2020, foi também erguida a primeira bandeira portuguesa produzida com plástico recolhido dos oceanos.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT