NiTfm live

Televisão

“The Terror”: a segunda temporada da série promete ser ainda mais assustadora

Já estreou nos EUA, mas não há data para chegar a Portugal. Desta vez tudo se passa durante a Segunda Guerra Mundial.
A série já estreou nos EUA.

Tal como “Fargo”, “American Horror Story”, “True Detective”, “The Sinner” ou “American Crime Story”, “The Terror” tornou-se uma série de antologia — em que cada temporada conta uma história diferente inspirada em factos reais.

Depois de relatar o que aconteceu a dois navios britânicos que estavam numa expedição para descobrir a Passagem do Noroeste no Ártico — o canibalismo e as mortes por causa das condições extremas do clima e dos perigos dos animais estão no centro do enredo — desta vez o tema é outro.

Em “The Terror: Infamy”, a segunda temporada deste projeto, tudo se passa durante a Segunda Guerra Mundial. A única coisa em comum com a primeira temporada é o título e o facto de ter Ridley Scott como produtor. No total, são dez episódios. Estreou no canal AMC, nos EUA, esta segunda-feira, 12 de agosto — e ainda não há data para chegar a Portugal.

A história centra-se na família Nakayama, que vive na Califórnia, nos EUA. Estão numa situação perigosa depois do ataque do Japão a Pearl Harbor — que resulta numa reação impulsiva e xenófoba por parte dos americanos.

O líder da família é Henry, um pescador patriota que está orgulhoso da vida que conseguiu construir para o filho na Califórnia. Henry e a sua mulher Asako criaram Chester como um qualquer cidadão americano. Ele é um fotógrafo com estudos universitários que está apaixonado por uma colega de origem mexicana, Luz.

Depois de Pearl Harbor, os japoneses americanos são enviados para campos de concentração e ficam em choque. Tal como na primeira temporada, também há uma componente de fantasia nesta história.

Além dos horrores de estarem “internados” num destes locais, são perseguidos por um espírito perigoso que muda de forma chamado Obake — que tanto ataca japoneses como os soldados americanos que os guardam.

O regime de opressão, a violência, as condições degradantes e a violação dos direitos humanos são constantes ao longo dos capítulos desta produção — um dos atores e produtores de “The Terror: Infamy”, George Takei, cresceu num destes campos e conseguiu replicar os antigos traumas neste drama, que tem elementos de thriller e terror.

O elenco inclui ainda Derek Mio, Kiki Sukezane, Naoko Mori, Cristina Rodlo, Shingo Usami e Miki Ishikawa, entre outros.

Carregue na galeria para conhecer todas as outras séries de televisão que estreiam (ou regressam) no mês de agosto.