NiTfm live

Televisão

Qual é o pior match desta temporada de “Casados à Primeira Vista”?

O programa da SIC tem novos protagonistas — com diferentes intrigas e desafios nas respetivas relações.
Hugo e Inês formam um dos casais deste ano.

Alexandre Machado, Eduardo Torgal, Cris Carvalho e Fernando Mesquita. Estes são os quatro especialistas que definem os matches — que fazem os pares — entre todos os candidatos de “Casados à Primeira Vista”, programa da SIC que foi um enorme sucesso no ano passado e que já arrancou para uma segunda temporada.

O formato regressou à televisão a 13 de outubro e a estreia foi vista por mais de um milhão e 300 mil pessoas. Os protagonistas são outros, mas os objetivos serão os mesmos: encontrar o amor durante o casamento com um desconhecido.

A lógica é que os especialistas conseguem definir bem os perfis psicológicos e de personalidade de cada participante para juntar pessoas que são compatíveis e que se complementam. Contudo, na primeira temporada não sobreviveu um único casal.

Ainda assim, como explicou Alexandre Machado à NiT, foi um sucesso à mesma — até porque essas pessoas desenvolveram competências que agora usam fora do programa.

Este ano, os protagonistas são outros. Existem o Pedro e a Liliana, um dos casais que aparentam ter mais cumplicidade; a Marta e o Luís, que já tinham tido um encontro antes de terem entrado no programa e se casarem; ou o casal mais velho, de António e Lurdes, que não se estão a dar muito bem neste momento.

Há ainda o Lucas e a Anabela, que também atravessam alguns problemas; os pacatos Inês e Hugo; e a irmã de Inês, Ana Raquel, que se casou com Paulo embora tenha feito questão ao longo destas semanas de mostrar que não era bem aquilo que desejava.

Tal como no ano passado, os casais têm de renovar os votos todos os domingos, quando se reúnem para um jantar de grupo. Essa cerimónia de compromisso só vai acontecer a partir deste domingo, 3 de novembro. Só abandonam o programa se ambos — marido e mulher — decidirem desistir da relação. Se for apenas um, mantêm-se no formato que é apresentado por Diana Chaves. 

“Casados à Primeira Vista” vai ficar no ar até ao fim do ano, com um jantar de Natal e um programa especial de Passagem do Ano — só não sabemos que casais vão durar até lá.

De qualquer forma, abrimos aqui a votação ao público em relação aos matches feitos pelos especialistas neste ano (sendo que ainda falta ser apresentado um casal). O objetivo não é descobrirmos qual o casal que se está a dar pior, mas sim qual foi, na sua opinião, o pior match feito pelos especialistas. Ou seja, qual era o casal, que, à partida, não deveria ter sido formado tendo em conta as personalidades de cada um?

Qual é o pior match desta temporada de “Casados à Primeira Vista”?