NiTfm live

Televisão

Ser pai não é assim tão fixe (nem fácil) — é o grande tema da nova série da HBO

Chama-se “Breeders” e chega à plataforma de streaming esta terça-feira, 3 de março. Martin Freeman é um dos protagonistas.
Martin Freeman é o pai protagonista.

Peter Worsley e a sua mulher Ally são como a maioria dos pais modernos. Apesar de amarem incondicionalmente os seus dois filhos, têm empregos a tempo inteiro e estão extremamente cansados da vida que levam, com uma correria constante no dia a dia, entre levar os miúdos à escola, fazer o jantar (e o almoço e o pequeno-almoço) e todas as restantes tarefas domésticas.

Ally parece estar a lidar melhor com o stress de criar Luke, de sete anos, e Ava, de quatro anos, do que o seu marido. Depois de ouvir um enorme estrondo no quarto dos filhos, Peter promete a ele mesmo, enquanto sobe as escadas de casa, que não vai gritar com eles porque isso só vai tornar tudo mais difícil.

Inevitavelmente, é o que faz, entre gritos e palavrões, deixando os miúdos a chorar. Este é só mais um exemplo do que acontece na casa dos Worsley, e daquilo que o stress está a causar a Peter — que acharia que seria o pai mais divertido do mundo antes de ter filhos. Apesar de os miúdos serem as pessoas que mais ama na vida, também podem ser uma enorme dor de cabeça.

É este o mote para “Breeders”, a nova série que está disponível na plataforma de streaming da HBO Portugal a partir desta terça-feira, 3 de março. Os primeiros dois episódios já se encontram disponíveis — a partir daqui, chega um por semana. No total são dez capítulos.

Esta comédia negra tem como protagonistas Martin Freeman e Daisy Haggard, apesar de o elenco também incluir Jayda Eyles, George Wakeman, Shvorne Marks, Vihaan Patel, Tom Ashley, Joanna Bacon e Rosalind Eleazar, entre outros.

A produção original do canal americano FX tem recebido algumas críticas positivas — apesar de não ser ainda o projeto mais mediático do momento — e promete ser, de qualquer forma, uma série muito relacionável para os espectadores comuns. Sobretudo para os pais.