televisão

Netflix quer comprar salas de cinema nos Estados Unidos

O objetivo é ter mais hipóteses de ganhar Óscares. Já houve a tentativa de compra, mas o negócio acabou por não se concretizar.

Cinemas da Netflix? Pode vir a acontecer.

Desde que começou com os filmes originais, que o objetivo da Netflix era conseguir nomeações para os Óscares. Seria mais fácil se os filmes passassem num circuito comercial e não apenas na plataforma de streaming. O serviço tentou mesmo comprar salas de cinema nos Estados Unidos, mas o negócio acabou por não avançar.

Segundo o “Los Angeles Times”, a Netflix esteve em negociações para comprar os Landmark Theatres que estão sediados em Los Angeles. A empresa tem mais de 250 salas em 53 cinemas por todo o país — São Francisco, Nova Iorque e Los Angeles são algumas das cidade. Segundo o mesmo jornal, o negócio não avançou porque o preço da Landmark Theatres era demasiado elevado.

O objetivo da Netflix era ter uma forma de passar os filmes originais nos cinemas, já que os que produz não são considerados pelas grandes distribuidoras por fazerem uma exibição em simultâneo na aplicação. Por enquanto, não se sabe se o serviço de streaming vai tentar uma renegociação. Certo é que também as suas produções foram impedidas de participar no Festival de Cannes por não terem estreado em salas francesas.