NiTfm live

Televisão

Morreu Maria Perego, a mulher que criou Topo Gigio

A italiana terá tido um ataque cardíaco fatal aos 95 anos.
Criou a personagem em 1959.

Maria Perego, criadora da icónica personagem Topo Gigio, um dos ratos mais famosos do mundo, morreu esta quinta-feira, 7 de novembro, em Milão, Itália. Embora a causa da morte da autora, produtora e marionetista não tenha sido oficialmente confirmada, a imprensa internacional avança com um possível ataque cardíaco. Tinha 95 anos.

“É com grande dor que anunciamos a morte da criadora do famoso personagem Topo Gigio (…) Foi uma trabalhadora incansável e trabalhou até o final em tantos novos projetos, uma nova série de desenhos animados de Topo Gigio e muito mais. Maria Perego e Topo Gigio continuarão vivos. Vamos sentir muito sua falta”, disse Alessandro Rossi, administrador da Topo Gigio Srl.

Em Portugal, o rato idealizado pela italiana surgiu em 1979, num programa televisivo apresentado por Rui Guedes e em que António Semedo lhe dava a voz. Contudo, Topo Gigio chegou a mais de 20 países.

Maria Perego introduziu na altura uma nova técnica desconhecida, usando bonecos em vez de desenhos. Na altura, o marido, Federico Caldura, ajudou-a na criação do rato com orelhas gigantes.

A autora nasceu, que nasceu em 1923, em Veneza, começou a trabalhar ainda cedo na televisão. Em 1959, criou o Topo Gigio, inspirada no Mickey. Teve a ideia quando estava numa barbearia, como conta o site oficial do boneco. Foi uma árvore de Natal em esponja usada como decoração que suscitou a ideia do material que queria começar a usar no seu trabalho em televisão. A partir daí, nunca mais parou.

Con grande dolore si annuncia la scomparsa della creatrice del famoso personaggio Topo Gigio. Maria Perego è stata una…

Publicado por Topo Gigio by Maria Perego Official FB Place em Sexta-feira, 8 de novembro de 2019