NiTfm live

Televisão

A “Coisa Mais Linda” foi a história de amor que nasceu nos bastidores da série

A produção vai ter uma segunda temporada. Na vida real, Pathy Dejesus e Alexandre Cioletti já continuaram a sua narrativa.
Os atores conhecem-se há um ano e já têm um filho.

Uma das principais novidades que tivemos este ano na Netflix, pelo menos até agora, foi “Coisa Mais Linda”, que estreou em março e já foi renovada para uma segunda temporada. Ainda não tem data de estreia mas terá outros seis episódios.

A série foca-se nos anos 50, no Brasil, quando apareceu a bossa nova no Rio de Janeiro, e na revolução cultural promovida por vários movimentos sociais. Acompanhamos a história de Maria Luiza, mais conhecida por Malú, uma mulher conservadora e obediente que dependeu do pai e do marido a vida inteira.

Deixa São Paulo e viaja para o Rio de Janeiro, onde Pedro, o marido, tinha planeado abrir um restaurante mas, quando chega, percebe que ele desapareceu com todo o dinheiro de ambos. Ao contrário do que o pai dela quer e contra tudo aquilo que fez na vida, a protagonista decide ficar naquela cidade e transformar aquela propriedade numa casa noturna de bossa nova. Ela é influenciada pelas amigas liberais e feministas — e tem uma oportunidade para se apaixonar de novo.

Na história, a sua sócia é Adélia (Pathy Dejesus), que tem uma filha e um companheiro — só que, na verdade, a criança não é filha dele. Há vários anos, Adélia tinha sido empregada na casa dos Soares, onde conheceu Nelson (Alexandre Cioletti), um dos filhos da família.

Os dois apaixonaram-se de forma intensa mas os pais não queria que estivessem juntos — Adélia era empregada da família e uma mulher negra. Acabaram por se separar e perder o contacto, mesmo que não de forma intencional, e Nelson conheceu Thereza (Mel Lisboa), outra das amigas de Malú, e casou-se com ela.

Quando chegamos ao final da primeira temporada de “Coisa Mais Linda” já descobrimos tudo isto e que o pai da filha de Adélia é, na verdade, Nelson — e que ambos tinham uma grande paixão um pelo outro. Ou seja, contrariamente ao que a série nos leva a crer em certos momentos, a gravidez não foi causada por qualquer agressão e ela também não foi deixada por Nelson — ele nem sabia que tinha uma filha e ambos cruzam-se no final, sem saberem o que fazer. Nelson parece muito dividido.

Na vida real, porém, não tem dúvidas. E esta informação incrível pode surpreender muitos fãs da série: Pathy Dejesus e Alexandre Cioletti estão numa relação e já têm um filho, Rakim, que nasceu a 3 de junho. É mesmo verdade.

Conheceram-se em junho do ano passado, no início das gravações da série, nos encontros de preparação entre o elenco e a equipa de produção.

“Nunca tínhamos ouvido falar um do outro, mas criámos logo uma afinidade enorme”, disse à revista “Glamour”, da “Globo”, Alexandre Cioletti. “Estávamos sempre a conversar sobre tudo e a coisa foi amadurecendo… até que começámos a namorar durante as filmagens.”

Pathy Dejesus, em conversa com a mesma publicação, acrescentou: “Quando já tens uma certa maturidade, não é qualquer flirt que mexe contigo. E era muito bizarro: quando o Alexandre entrava no estúdio, mesmo sem o ver ou ouvir, eu sabia que ele tinha chegado.”

A atriz de 42 anos — Alexandre tem 41 — diz que foi a inteligência, a postura e a sensibilidade de Cioletti que a fizeram apaixonar-se. “Nunca conheci ninguém tão sensível em relação ao que está a acontecer em redor como ele, ou alguém que abra tanto o coração. Acho que ele é um génio.”

Alexandre Cioletti descreve a atual namorada como “uma mulher batalhadora, que conquistou tudo o que queria, com vários talentos”. “Aprendi muito com ela.”

Ambos não estavam a planear que nada disto acontecesse. Dejesus planeava adotar uma criança — porque queria ser mãe e nunca tinha congelado óvulos, apesar da idade — e Cioletti, que já tem três filhas de uma relação anterior, queria comprar uma mota para fazer uma enorme viagem pelo mundo.

“Por isso, o nosso filho não poderia ter vindo num momento melhor. Calou a boca de todos os que disseram que não era possível. E o pouco que conto da minha vida agora é para inspirar outras mulheres a acreditarem nos seus sonhos”, explicou a atriz.

Atualmente estão empenhados em criar Rakim da melhor forma. “Queremos passar os nossos valores e o que aprendemos com os nossos pais e avós”, disse Alexandre à “Glamour”. “Sempre disse à Pathy que esta geração de crianças é especial e, mais do que ensinar, vamos aprender muito.”

Pathy Dejesus completou: “Mesmo antes do Rakim já conversávamos sobre como olhamos para as diferenças sociais, de classe ou género. E algo que certamente lhe vamos ensinar é a respeitar o próximo.”

Leia ainda a entrevista da NiT à atriz Mel Lisboa.

O filho, Rakim, nasceu a 3 de junho.