NiTfm live

Televisão

Apple aposta no streaming — com séries de Spielberg, Oprah e Jennifer Aniston

A empresa americana apresentou várias novidades na noite desta segunda-feira, 25 de março.
Jennifer Aniston e Reese Witherspoon vão ter uma comédia.

O streaming parece ser a nova mina de ouro do mercado. A Netflix é a líder global e a HBO, que já produz séries e filmes há vários anos, adaptou-se a esta nova forma de consumir conteúdos. As grandes empresas também não querem ficar de fora. Este ano, a Disney, que é dona da Marvel e comprou a Fox, vai lançar o Disney+. Já a Amazon criou o serviço Prime, o Facebook e o YouTube começam a apostar nas respetivas produções originais e agora é a Apple que anuncia novidades neste universo.

Foi na noite desta segunda-feira, 25 de março, que a empresa americana apresentou vários conteúdos num evento na Califórnia, EUA. “Mil milhões de pessoas em todo o mundo têm aparelhos da Apple e essa é uma oportunidade única de fazer algo enorme”, disse Oprah Winfrey, que se associou à Apple para aquilo que aí vem.

A empresa apresentou dois novos serviços: o Apple TV Channels e o Apple TV+. Foquemo-nos inicialmente no primeiro. Será uma plataforma disponível para usar nos iPhones, iPads, Apple TV e smart TV onde será possível juntar mais de 150 aplicações de streaming.

A ideia neste serviço não é criar conteúdo original — é mais organizar tudo aquilo que existe. Ou seja, vai poder ver as séries da HBO, da Hulu, Amazon ou Showtime, entre tantas outras, através desta plataforma agregadora, sem necessitar de ter as apps de cada serviço. No mesmo “local” será possível ver desporto e ter acesso a conteúdos informativos.

A ideia é que as contas deste serviço sejam familiares — e apenas com uma password. Vai ser possível descarregar conteúdos para ver offline. O Apple TV Channels estará disponível a partir de maio em mais de 100 países, mas não divulgou quais serão os preços nem os diferentes modelos de subscrição — porque vai ficar mais barato do que subscrever individualmente a HBO, a Amazon e assim sucessivamente.

O mais importante deste anúncio é, realmente, o Apple TV+ — onde a empresa vai estrear séries e filmes originais e exclusivos (vários dos quais já tinham sido, na verdade, divulgados). Também ainda não foram revelados os preços nem os modelos de subscrição.

Carregue na galeria para conhecer os principais projetos que podemos esperar deste serviço que será lançado durante o outono (incluindo em Portugal).