NiTfm live

Televisão

5 vezes em que Portugal apareceu n’“Os Simpsons” — a série que pode estar a acabar

A série americana está prestes a celebrar o 30.º aniversário e pode estar quase a terminar.
Cristiano Ronaldo apareceu num anúncio.

Há 30 anos que andamos a ver a família amarela de “Os Simpsons” na televisão. As coisas não mudaram assim tanto para os pais, Homer e Marge, nem para os filhos Bart, Lisa e a bebé Maggie — que, aliás, continua a chuchar em todos os 676 episódios que já foram transmitidos.

Esta produção da Fox criada por Matt Groening estreou a 17 de dezembro de 1989 nos EUA — embora já existisse há dois anos como parte do programa “The Tracey Ullman Show”. Reza a lenda que Groening, que estava a trabalhar noutros projetos, foi convidado para desenvolver um novo conceito dentro deste formato — e foi à pressa, durante os minutos de espera que teve nos escritórios da Fox, antes da reunião, que criou a família Simpson.

O objetivo era satirizar a típica família americana, por isso, Matt Groening não quis inventar muito. Desenhou as personagens e deu-lhes o nome dos seus familiares — o seu pai é Homer, a mãe é Marge, as irmãs são Lisa e Maggie. Matt era, na verdade, Bart — decidiu usar um nome fictício que já usara numa história mais antiga. 

Teve tanto sucesso que deu origem à própria série. Passados 30 anos e depois de uma adaptação ao cinema, continua a haver novas aventuras para contar desta família. No entanto, “Os Simpsons” podem estar prestes a terminar.

Foi Danny Elfman, o compositor do icónico tema d’”Os Simpsons” que o revelou recentemente em entrevista ao site norte-americano “Joe”. Segundo Elfman, é muito possível que a série termine após a trigésima primeira temporada. “Pelo que ouvi, vai acabar. Não o sei por certo, mas ouvi que esta vai ser a última temporada”, afirmou. A Fox ainda não confirmou a notícia.

Dan Castellaneta (Homer Simpson), Nancy Cartwright (Bart Simpson), Harry Shearer (Ned Flanders), Julie Kavner (Marge Simpson) e Yeardley Smith (Lisa Simpson) são algumas das vozes que trabalham no projeto desde o início. O próprio Matt Groening é o responsável pelo barulho da chucha de Maggie.

Além da família principal, tantas outras personagens se tornaram icónicas — desde Mr. Burns a Barney, passando por Krusty the Clown, Moe, Milhouse, Skinner ou Lenny, entre outros.

De forma a celebrar os 30 anos da série (e talvez o seu final), a NiT recorda cinco momentos em que Portugal esteve em destaque em “Os Simpsons”.

O “portuguese Fausto”

É no episódio “The Wife Aquatic”, de 2007, da 18.ª temporada, que aparece esta personagem portuguesa. Ele faz parte da tripulação do navio The Rotting Pelican. Ele passa todo o seu tempo livre a brincar com a faca, porque “é a sua cena”. Juntamente com os colegas, pensa-se que tinha morrido durante uma tempestade. 

Contudo, quando eles reaparecem numa igreja em Barnacle Bay, alguém o declara o “portuguese Fausto”, e ele começa a correr do nada, como se fosse fugir.

Fausto está sempre a brincar com uma faca.

O “rapaz português”

Outra personagem de “Os Simpsons” que é portuguesa e aparece num só episódio é um menino conhecido apenas como “rapaz português”. Aparece no episódio “A Totally Fun Thing That Bart Will Never Do Again”, de 2012 — já na 23.ª temporada.

Também ele aparece a bordo de um navio, desta vez o cruzeiro de luxo Royalty Valhalla. Ele e muitos outros miúdos de diferentes países conhecem Lisa na KidZone Elite durante a viagem. Lisa descobre que o seu pai é um diplomata, e ele fala bem com (e sobre) Lisa quando estão juntos.

Contudo, todas as pessoas a bordo se viram contra os Simpsons quando descobrem que Bart é o culpado de ter provocado uma situação de pânico geral ao interpretar uma cena de um filme assustador de ficção científica que nunca tinha saído.

É filho de um diplomata.

Portugal Vs. México na final do Mundial

“Os Simpsons” tornaram-se conhecidos por conseguirem prever inúmeras vezes o futuro — em vários tipos de acontecimentos. Uma das previsões falhadas envolveu Portugal na final do Campeonato do Mundo de futebol de 2018 onde supostamente iria jogar contra o México. Na verdade foi a seleção francesa que venceu a prova.

O jogo em si não é muito importante para a história do episódio (que se chama “The Cartridge Family”) — mas é o cenário em que tudo começa. Os Simpsons foram assistir ao jogo no estádio, mas quando a partida arranca, a multidão começa a perder o interesse e o espetáculo desportivo acaba por se tornar num autêntico motim nas bancadas.

O conflito torna-se maior e acaba por se alastrar a toda a cidade de Springfield. Homer não quer gastar 500 dólares num alarme para a casa da família, então decide comprar um revólver, ideia que Marge não aprova. E assim se desenrola a ação deste capítulo da nona temporada da série, que foi transmitida em 1997.

Carlos Lopes inspirou Homer Simpson a correr a maratona

Foi em 1984, nos Jogos Olímpicos em Los Angeles, nos EUA, que o atleta português Carlos Lopes se tornou o vencedor mais velho de sempre da maratona olímpica, aos 37 anos. Por isso mesmo, é o português que aparece no episódio “New Kids on the Blecch” — da 12.ª temporada, em 2001 — para inspirar Homer Simpson a correr a maratona de Springfield.

Mr. Burns, Smithers e o Comic Book Guy são outras das personagens que competem com Homer na prova, mas é Bart que, através de muita batota, acaba por vencer a maratona. Quando o segredo é descoberto, Bart é perseguido e é essa a história deste capítulo de “Os Simpsons”.

Carlos Lopes apareceu neste episódio.

Cristiano Ronaldo n’”Os Simpsons”

Este é capaz de ser dos momentos mais famosos de Portugal n’”Os Simpsons”. Na verdade, Cristiano Ronaldo não apareceu na série de “Os Simpsons”, mas antes num anúncio publicitário da Nike em que parte foi produzida por Matt Groening e companhia. O anúncio “Nike: Write the Future” foi transmitido em 2010.

Cristiano Ronaldo aparece na casa da família Simpson e bate à porta. É Homer quem a abre. Ronaldo chuta a bola por baixo das pernas de Homer quando ele diz “Ronal”, o que é seguido pela sua famosa expressão “D’oh!”.