NiTfm live

teatro e exposições

Cada um destes sapatos representa uma criança que se suicidou

Associação Chasing the Stigma pretende chamar a atenção para as vidas "tragicamente desperdiçadas": 226, só em 2017.
Uma poderosa exposição.

Um par de sapatos por cada criança que se suicidou em 2017. São 226 pares de sapatos, no total. A associação Chasing the Stigma, dedicada a problemas do foro mental, decidiu alertar desta forma o mundo para o problema do suicídio de menores. A poderosa exposição de rua, em Liverpool, no Reino Unido, representa as vidas perdidas.

Trabalhando ao lado de outras instituições de caridade ligadas à saúde mental, incluindo a Papyrus e a Fundação Oscar Phillips, a Chasing the Stigma espalhou 226 pares de sapatos nos degraus do St. George’s Hall, no centro de Liverpool.

A campanha coincidiu com a Semana de Saúde Mental das Crianças, que aconteceu de 4 a 10 de fevereiro deste ano.

“Por trás de toda a estatística está uma vida desnecessariamente e tragicamente perdida. Queríamos transmitir isso e decidimos usar os sapatos como uma representação visual dessas vidas”, explicou Jake Mills, fundador da Chasing the Stigma, citado pelo jornal britânico “The Independent“.

Todos os sapatos usados na exposição foram doados a instituições de caridade.