NiTfm live

Música

Vai ser proibido usar telemóvel nos concertos de Madonna em Lisboa

Os aparelhos vão ter de ser guardados em bolsas especiais. O primeiro espetáculo da cantora acontece já este domingo, 12 de janeiro.
A artista tem 61 anos.

Não há um único concerto em que não se veja alguém com o smartphone na mão a captar imagens do artista — até há quem o faça do início ao fim. No entanto, esse não será o cenário nas oito atuações de Madonna marcadas para o Coliseu dos Recreios. A sala de espetáculos de Lisboa anunciou que os eventos vão ser “uma experiência sem telefones”.

“O uso de telemóveis, smartwatches e acessórios, câmaras ou outros aparelhos de gravação, não será permitido durante o espectáculo”, pode ler-se no site oficial do coliseu. 

É que, após a validação do bilhete, todos os dispositivos têm de ficar guardados em estojos Yondr — uma bolsa de tecido concebida para limitar o uso destes dispositivos e que só se abre quando em contacto com estações de desbloqueio. Isto quer dizer que os fãs da cantora só voltam a ter permissão para mexer nos aparelhos após os concertos, embora estejam sempre com eles.

Se for necessário, é possível ter acesso aos telemóveis durante os eventos, desde que seja “nas áreas de utilização designadas para o efeito”, como explica a sala lisboeta.

O primeiro concerto da tour de “Madame X” em Lisboa acontece já este domingo, 12 de janeiro. Seguem-se mais sete espetáculos: 14, 16, 18, 19, 21, 22 e 23 do mesmo mês. Ainda há bilhetes para algumas datas — os preços variam entre 75€ e 400€.

Carregue na galeria para descobrir outros grandes concertos a não perder em Portugal em 2020.