NiTfm live

Música

Out Jazz anuncia jardins, datas e cartaz completo

A Ribeira das Naus e o Parque da Bela Vista estreiam-se no festival que acontece todos os domingos em Lisboa.
Consulte o programa completo.

sabíamos que o primeiro Somersby Out Jazz do ano seria a 5 de maio no jardim da Torre de Belém — local onde vão acontecer os concertos do festival em todos os domingos desse mês. A 10 de abril, foi anunciado o cartaz completo, com as datas e os jardins escolhidos.

Junto da Torre de Belém vão atuar nomes como João Tenreiro, Jéssica Pina, Sheri Vari, Antoine Gilleron, Calú Moreira e Lucky, entre outros. Em junho, o Out Jazz muda-se para o Jardim do Campo Grande, onde haverá concertos de Nuno di Rosso, Gaspar, Jeff Lennon, Ki, Outer Game, Komet, Miguel Sá, Kisluk e Samuel Lercher Trio.

Como sempre, a programação foca-se no jazz, na soul, no funk, no hip hop e na música eletrónica (e em géneros que fundam estes todos). Em julho, o festival acontece no Jardim da Estrela. Mónica Mendes, Pedro Tenreiro, Jorge da Rocha, Hitchpop, M&M (Mellow) e o Woody Shaw Project são alguns dos responsáveis por animar as tardes.

Os últimos dois meses de Out Jazz estão reservados para dois espaços que ainda não tinham recebido o festival. Em agosto o sítio por onde tem de passar é a Ribeira das Naus (que, em paralelo, está a acolher outras festas gratuitas de eletrónica às quintas-feiras).

É entre o Terreiro do Paço e o Cais do Sodré que vão atuar Cumbadélica, Centauri, Ramboiage & Ruca Moreira, Fellaz, Gatu Preto, Alba Careta Grupo e Prétu, o projeto de spoken-word do rapper Chullage.

O Out Jazz termina no Parque da Bela Vista — que a cada dois anos é o recinto do Rock in Rio Lisboa — com música de Max Moon, Dr. Bastard, Ingombota, Spirit Talk, Daniel Neto Quinteto, Selecta Alice, FunkOffAndFly, Tiago e os Tighten Up Lisboa DJS.

São ótimas notícias para os muitos lisboetas que têm o Out Jazz como o seu festival favorito: acontece em espaços verdes, com um ambiente descontraído, durante a tarde, a entrada é gratuita e a programação é eclética e cuidada.

Os concertos começam todos os domingos pelas 17 horas — mas o público pode sempre chegar antes para reservar lugar. Normalmente as atuações prolongam-se até por volta das 20 ou 21 horas.

Este ano o Out Jazz eliminou totalmente o uso de palhinhas de plástico e tem, como nas edições anteriores, copos reutilizáveis que podem ser comprados por 1€ — a ideia é que sejam usados durante os cinco meses de festival. Se tiver copos do ano passado, também pode levá-los.

Consulte o cartaz completo.