NiTfm live

Música

Lisboa na Rua: vai haver cinema, concertos, festivais e aulas de dança gratuitas

O programa completo foi revelado pela autarquia esta segunda-feira, 19 de agosto.
Vai haver aulas de dança em sítios improváveis.

Com o final de agosto chega mais um Lisboa na Rua — o programa cultural da câmara municipal que enche as ruas da cidade de atividades e iniciativas gratuitas. A autarquia revelou a programação completa desta edição na segunda-feira, 19 de agosto. 

O Lisboa na Rua começa a 27 de agosto e prolonga-se até 29 de setembro. Um dos grandes destaques é o cinema ao ar livre que vai ocupar o Jardim Zoológico às sextas-feiras. O ciclo CineCidade vai ter sessões a partir das 21 horas.

“O Feiticeiro de Oz”, “Parque Jurássico”, “Up — Altamente” e “Indiana Jones — Os Salteadores da Arca Perdida” serão alguns dos filmes exibidos durante a festa.

Aos domingos, vai haver aulas de dança gratuitas em Lisboa. A iniciativa Dançar a Cidade terá flamenco e sevilhanas, afrohouse e kuduro, dança do ventre e Bollywood, blues ou tango, entre tantas outras danças tradicionais. Vão acontecer em pistas descobertas e sítios improváveis, como a praça Rossio de Palma. Todos podem participar, sejam mais ou menos profissionais.

Outro dos principais momentos do Lisboa na Rua, e que já é uma tradição, é o concerto da Orquestra Gulbenkian no relvado do Vale do Silêncio, nos Olivais. O espetáculo “Amor no Vale” reúne várias obras de ópera dedicadas ao amor e será dirigido pelo maestro Nuno Coelho. Acontece a 14 de setembro.

O Museu de Lisboa — Palácio Pimenta, no Campo Grande, vai ter o Bibliófilo, uma biblioteca ao ar livre. Vai poder encontrar por lá edições raras que poderá ler durante o fim de semana. Aos domingos inclui sessões de histórias para os miúdos e também leituras com convidados para os adultos.

Ali mesmo ao lado, no jardim do Campo Grande, vai haver concertos de jazz aos finais da tarde de setembro. São os Encontros de Jazz Júnior, que incluem quatro atuações variadas. Serão interpretados temas clássicos e alguns originais, além de obras de Bernardo Sassetti.

Já as noites de quinta-feira serão dedicadas ao fado com o ciclo (Sou do) Fado. Vai dividir-se pelo Jardim do Torel, Vasco da Gama, Quinta das Conchas e Parque dos Moinhos de Santana. Maria Ana Bobone, Helder Moutinho e Cristina Branco são alguns dos nomes que vão atuar.

Marque ainda na agenda o concerto do Real Combo Lisbonense a 7 de setembro, a partir das 21h30. O grupo vai tocar temas clássicos da música portuguesa no coreto do Jardim da Estrela — o objetivo é recriar o ambiente de baile dos anos 50 e 60.

O Lisboa na Rua integra ainda vários festivais, como o Lisboa Soa — que todos os anos apresenta instalações artísticas de som —, e que volta a acontecer na Estufa Fria, no Parque Eduardo VII.

Há ainda o festival Fuso, dedicado à videoarte, e o Lisboa Mágica, que vai espalhar espetáculos de magia pelas ruas da cidade. Consulte o programa completo no site da Cultura na Rua.