Música

Chris Cornell suicidou-se — e o mundo está em choque

O gabinete de medicina legal do condado de Wayne confirmou a causa da morte. Nas redes sociais, são muitos os artistas e personalidades que deixaram as suas condolências — ou acusaram-no de egoísmo.

O óbito foi declarado no local

Foi um dia de emoções ao rubro, muitas lágrimas e saudosismo por um artista que marcou uma geração. O músico Chris Cornell morreu esta quarta-feira à noite, 17 de maio, em Detroit, nos Estados Unidos. O corpo foi encontrado num hotel, após uma atuação com os Soundgarden. Um dia depois, foi confirmada a causa da morte: suicídio por enforcamento.

“O médico legista concluiu a autópsia a Chris Cornell, de 52 anos, o músico dos Soundgarden que morreu ontem à noite em Detroit. A causa da morte foi determinada como suicídio por enforcamento. O relatório de uma autópsia mais detalhada ainda não foi concluído. Não há informações adicionais neste momento.”

O comunicado foi feito através das redes sociais pelo gabinete de medicina legal do condado de Wayne, responsável neste momento pelo caso.

O corpo de Cornell foi descoberto aproximadamente uma hora depois dos Soundgarden, que se tinham reunido este ano e estavam em digressão pelos EUA, terem atuado no Fox Theatre. O músico ainda chegou a partilhar no Twitter uma imagem do edifício às 17h06, onde parecia entusiasmado com a visita a Detroit e a atuação da banda.

 

O músico estava alojado no hotel MGM Grand Detroit e a entrada no quarto teve de ser forçada. Cornell foi encontraoa inanimado no chão da casa de banho. As autoridades foram chamadas ao local por volta da meia-noite, com a indicação de um aparente suicídio de um homem branco. O nome não foi divulgado, mas a data de nascimento correspondia à de Chris Cornell — 20 de julho de 1964. O óbito foi declarado no local.

As mensagens de condolências deixadas nas redes sociais — e as críticas

Elton John, Jimmy Page, Billy Idol, Dave Navarro e Joe Perry foram alguns dos artistas que aproveitaram o Twitter para deixar mensagens de condolências. Joe Perry chegou mesmo a partilhar uma fotografia ao lado de Chris Cornell.

 

Franz Stahl, ex-guitarrista dos Foo Fighters, deixou uma mensagem no Facebook onde criticava o suicídio de Chris Cornell. Na publicação, entretanto apagada, o músico acusava-o de ter sido “egoísta” por ter abandonado os filhos. 

Lillian Jean Cornell, 16 anos, é fruto do primeiro casamento com Susan Silver, Toni e Christopher Nicholas, de 12 e 11 anos, respetivamente, do segundo com Vicky Karayiannis.

Recorde as três bandas que marcaram a vida do cantor e descubra 7 temas obrigatórios. No adeus a Chris Cornell, deixamos-lhe ainda o texto emocionado de uma fã que sentiu o coração partir com o anúncio da morte do artista e as memórias da noite em que o cronista da NiT viu os Soundgarden ao vivo no Hyde Park.

Quero sugerir uma alteração ao texto ou enviar uma mensagem ao autor deste artigo