Música

5 festivais épicos de música eletrónica para dançar em julho e agosto

Há novos eventos, mas também clássicos e de vários géneros — certo é que vêm a Portugal grandes nomes este ano. A NiT faz o roteiro.

O Neopop, em Viana do Castelo, é um dos principais do País.

Enganam-se aqueles que olham para a música eletrónica e só veem um estilo sem grandes variações nem profundidade — o género tem várias camadas distintas e Portugal tem-se tornado um País cheio de pequenos e grandes focos de eletrónica.

Passado o EDP Beach Party e o RFM Somnii, talvez os festivais do género mais pop — além do grande Boom, o festival português mais internacional de todos —, há uma série de festivais espalhados pelo País, e ao longo do verão, que vale a pena conhecer.

Este ano tanto há novos festivais como edições de eventos clássicos; música na praia ou na natureza ou em ambientes urbanos e industriais; durante a tarde ou de madrugada; para acampar ou dormir fora; de géneros mais ligados ao disco, à soul e ao funk, ou techno obscuro e minimal.

O universo da eletrónica engloba vários mundos e há muito para conhecer e dançar. Carregue na imagem para conhecer cinco festivais épicos de música eletrónica para ir em julho e agosto.