NiTfm live

Cinema

Jared Leto tentou impedir a rodagem de “Joker” com Joaquin Phoenix

O ator tinha interpretado a personagem em “Esquadrão Suicida” e não gostou deste projeto que via como concorrente.
Jared Leto fez a personagem em 2016.

Em 2016, estreou um dos maiores blockbusters da DC Comics dos últimos anos: “Esquadrão Suicida”. Os críticos ficaram desiludidos e Jared Leto também. O ator tinha trabalhado durante meses para preparar a sua interpretação da personagem de Joker — supostamente um dos maiores protagonistas da história, até a julgar pelo trailer — mas no final só teve direito a cerca de dez minutos no ecrã, tendo um destaque secundário.

Três anos depois, mais concretamente a 3 de outubro, estreou nos cinemas “Joker”, o filme que tem Joaquin Phoenix como ator principal e que relata o que deu origem a este que é um dos vilões mais icónicos de sempre. 

“Joker” está a receber críticas muito positivas, já venceu vários prémios e está prestes a bater o recorde mundial de bilheteira para um filme para maiores de 18 anos, com cerca de 700 milhões de euros já arrecadados. Falta pouco para bater “Deadpool”, o detentor do atual recorde.

É uma boa notícia para a equipa que produziu o filme, para as distribuidoras, e, claro, para todos os fãs que foram ver e gostaram da história. Quem não ficou contente com tudo isto foi Jared Leto, segundo uma reportagem da revista americana “The Hollywood Reporter”.

O ator ter-se-á sentido frustrado por os estúdios da Warner Bros terem permitido que este projeto com Joaquin Phoenix, e realizado por Todd Phillips, pudesse avançar.

De acordo com fontes próximas, não só Jared Leto se queixou aos seus agentes e representantes em Hollywood, por não o terem avisado mais cedo nem defendido a sua personagem, como pediu ao seu manager na área da música para ligar para a Warner Bros e tentar que o filme nunca fosse para a frente. Jared Leto negou ter feito este pedido e o manager também não comentou o assunto, embora ambos já não estejam a trabalhar juntos. Os representantes na área do cinema também já não se encontram a colaborar com Leto.

A “The Hollywood Reporter” diz que a Warner Bros tinha prometido a Jared Leto o seu próprio filme a solo como Joker depois da participação secundária em “Esquadrão Suicida”. A própria Warner, relutante com o projeto obscuro de Phillips, ofereceu um orçamento reduzido porque não estava à espera que tivesse todo este impacto.

Com o sucesso que “Joker” está a ter, torna-se bastante inviável a hipótese de um filme de Jared Leto como o vilão — que também não irá participar no spinoff dedicado à sua amante, Harley Quinn, que estreia em fevereiro, nem na sequela de “Esquadrão Suicida” prevista para 2021, e que vai ter a portuguesa Daniela Melchior.

Apesar disso, um representante atual de Jared Leto diz que as relações com a Warner Bros continuam positivas e que o ator está a trabalhar num projeto chamado “Little Things”, ao lado de Denzel Washington e Rami Malek.

Leia também a crítica da NiT a “Joker” e descubra como é que Joaquin Phoenix perdeu 23 quilos (e sofreu muito) para fazer o papel.