NiTfm live

Cinema

O festival de cinema no feminino está de volta ao São Jorge

Vai ser a maior edição de sempre do Olhares do Mediterrâneo.

O festival dura quatro dias.

Pelo quarto ano consecutivo, o festival Olhares do Mediterrâneo leva o cinema feminino ao Cinema São Jorge, em Lisboa. A maior edição de sempre arranca esta quinta-feira, 28 de setembro, e prolonga-se até 1 de outubro.

Ao todo, são 12 filmes de longa duração e 40 curtas-metragens, de géneros que vão da ficção à animação, passando por documentários e produções experimentais. Algumas das realizadoras vão estar no evento para apresentar os filmes em vários debates.

O festival abre com a exibição de “The Nurse”, filme da turca Dilek Çolak, marcada para as 21h30 e com entrada livre. A história passada em 2001 aborda o tema dos direitos humanos e a violência doméstica na Turquia moderna e em transformação. Conta a relação de uma enfermeira com um preso político em greve de fome.

Este ano está de regresso o ciclo Travessias, dedicados a filmes sobre refugiados e migrações. A programação inclui dez filmes, debates e exposições com entrada grátis. Conheça a programação completa no site do evento.

O festival também vai ter uma secção nova: a Começar a Olhar vai focar-se na nova vaga de realizadoras dos países do Mediterrâneo, composta por várias curtas-metragens. No último dia, há o atelier de cinema para famílias Olhares em Pequenino, uma cerimónia de chá marroquina e um mercado de livros e artesanato.