Cinema

Está escolhido o grande vencedor do Porto/Post/Doc

O festival de cinema só acaba este domingo, 3 de dezembro, mas os prémios já foram atribuídos.

"Meteors", o filme.

Entre 26 de novembro e este domingo, 3 de dezembro, a baixa do Porto recebeu dezenas de sessões de cinema e atividades culturais integradas no Porto/Post/Doc, um festival de cinema maioritariamente documental.

Meteors“, de Gürcan Keltek, com co-produção entre Holanda e a Turquia, foi o grande vencedor desta edição. O filme que mostra o conflito curdo-turco através da memória de uma chuva de meteoritos que durante algum tempo fez parar o conflito em 2015, recebeu a ovação do público e a votação de um júri internacional, que também deu outros prémios.

Dragonfly Eyes“, de Xu Bing, que é feito apenas com imagens de uma câmara de vigilância, foi o vencedor de uma menção honrosa e “Proxima“, de Gabriel Martinho e Igor Dimitri, da Argentina, ganhou a secção Cinema Novo. Ainda nesta categoria, “De Madrugada“, de Inês de Lima Torres, recebeu uma menção honrosa. Relativamente ao Prémio Biberstein Gusmão para autores emergentes, “Taste of Cement“, de Ziad Kalthoum, foi o escolhido.