Moda

Maria Valente, a it girl portuguesa que esgotou três vestidos em poucos minutos

Anunciou a parceria com a marca nacional OYEZ Brand no Instagram. Seguiu-se a loucura.
Tem quase 54 mil seguidores no Instagram.

Quando era miúda, Maria Valente adorava folhear as revistas de moda que a mãe comprava. Chegava, inclusive, a fazer vários recortes daquilo de que mais gostava. Muitas vezes, pedia para ir com ela a uma costureira. “Gostava de fazer as minhas próprias roupas, de conjugar os sapatos com a fita do cabelo”, conta à NiT.

Entretanto, a portuense cresceu, tornou-se assessora de imprensa da PEV Entertainment — uma empresa de organização e promoção de eventos — e começou a usar o seu Instagram para partilhar fotografias dos looks do dia. “Era para um grupo restrito de pessoas. Há cerca de dois anos, tornei a conta pública, depois de muita gente o pedir.”

View this post on Instagram

@oyezbrand x @maryzinha12 E o segundo vestido 👗 já está em pre-venda no site da @oyezbrand! 🙌🏻🙏🏻🧁🧁🧁🧁🧁🧁🧁🧁🧁🧁🧁

A post shared by maryzinha12 (@maryzinha12) on

As imagens têm o mesmo registo há vários anos. “Escolho a roupa no próprio dia e fotografo antes de tomar o pequeno-almoço”, explica. Embora faça tudo de forma muito natural, o que é certo é que Maria Valente tem cada vez mais seguidores (quase 54 mil). 

As pessoas gostam não só do cuidado com que são tiradas as fotografias como das combinações da influencer de 34 anos. “O que faço é misturar peças de marcas mais acessíveis, como a Zara, Mango ou H&M com uns bons sapatos e uma boa carteira. As seguidoras adoram como ficam os looks.”

Em abril deste ano, uma semana antes de ir de férias para a Índia e Maldivas, a marca portuguesa OYEZ Brand entrou em contacto com ela. “Queriam enviar-me uma peça. Disse que sim, mas que tinha de escolhê-la pois precisava de me identificar. Optei por um vestido que achei um máximo e usei-o no último dia de férias”, conta.

Na altura, a empresa revelou à portuense para lhe dizer que a peça tinha esgotado em cinco minutos. Uns meses mais tarde, em setembro, a OYEZ Brand voltou a contactar Maria, desta vez para lhe propor algo ainda mais interessante.

“Sugeriram-me que desenhasse três vestidos em parceria com eles para que fossem lançados no mercado da Maria Guedes [que aconteceu a 30 de novembro e 1 de dezembro, em Lisboa].” Antes disso, as propostas — 16 exemplares de cada vestido— estiveram em pré-venda no site da marca entre 87€ e 104€. Contudo, não foi por muito tempo.

“Esgotaram online em poucos minutos. E no mercado, às 10h15 de sábado também já não havia nenhum”, conta à NiT. A loucura foi tanta que Maria Valente continua a receber mensagens de seguidoras a perguntar se as propostas vão estar novamente à venda. 

“Estamos a pensar nisso. Está tudo em aberto. Se voltarmos a fazer algum deles será o branco. E provavelmente haverá mais propostas em março do próximo ano”, confessa. Enquanto não chega essa oportunidade pode sempre ir espreitando outra conta de Instagram de Maria Valente, onde a influencer vende roupa que já não usa.

“Sempre comprei muita roupa, mas nos últimos tempos resolvi abrandar. Percebi que havia peças que não vestia mais do que uma ou duas vezes por isso decidi reutilizá-las”, conta a jovem que tem cerca de 40 pares de sapatos.

Além desse perfil e do que partilha os looks do dia a dia, a portuense tem ainda o “Blog da Valentina” onde escreve exclusivamente artigos sobre as suas viagens. “As pessoas pediam-me muitas dicas e então resolvi investir neste projeto”, conclui.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT