Lojas e marcas

A primeira (e única) máscara que inativa o novo coronavírus é da MO

A marca portuguesa de moda destacou-se na área da inovação com a criação da MOxAdTech.
A máscara reutilizável já estava à venda.

Se há uma lição valiosa que podemos tirar deste estranho ano de 2020 é aprender a esperar o inesperado. A pandemia do novo coronavírus virou o mundo ao contrário e está a tornar muitas situações que até hoje consideraríamos insólitas numa nova normalidade.

Sair de casa todos os dias com máscaras de proteção individuais é um dos exemplos desta nova realidade. Tornaram-se uma das peças mais recorrentes e valiosas ao longo da pandemia de Covid-19, sobretudo nesta fase de desconfinamento, ao ajudarem a conter a propagação do vírus mesmo em espaços fechados.

Com as máscaras a fazerem parte do dia a dia dos portugueses, muitas são as que têm surgido no mercado. Porém, apenas uma tem a capacidade de inativar o vírus que causa a Covid-19 — chama-se MOxAdTech, é 100 por cento portuguesa e está à venda em todas as lojas e no site internacional da marca de moda MO, da Sonae Fashion.

Esta é uma verdadeira inovação mundial que juntou, durante meses de testes, empresários, cientistas e académicos portugueses no desenvolvimento da primeira máscara com capacidade de eliminar o novo coronavírus. E o sucesso já foi confirmado: a máscara MOxAdTech superou os testes realizados pelo Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes (iMM), que garante ao seu tecido várias camadas eficazmente protetoras e propriedades anti-virais, além da proteção microbiana já confirmada.

Isto significa, portanto, que a máscara é composta por um revestimento inovador, repelente à água, que neutraliza bactérias e vírus, quando estes entram em contacto com o tecido, efeito que se mantém mesmo após 50 lavagens. Além disso, a MOxAdTech está certificada para a proteção respiratória de partículas externas, conferida pela elevada capacidade de retenção de partículas da fibra e malha.

Em Portugal, o equipamento de proteção já tem certificação de máscara social de nível 2 profissional, garantida pelo CITEVE, com capacidade testada de retenção de partículas de 95 por cento após dez lavagens.

A nível internacional, a MOxAdTech já está certificada para 50 lavagens. Os testes realizados pela entidade certificadora oficial de França comprovam também que a máscara mantém uma retenção de partículas de 96 por cento, mesmo após essas lavagens. A máscara foi também testada segundo os requisitos de Espanha, tendo obtido resultado de filtração de bactérias de 90,2% e respirabilidade, para 50 lavagens. 

Além disso, o produto apresenta ainda a certificação OEKO-Tex, comprovando a ausência de produtos químicos nocivos durante todo o seu processo de fabrico, sendo completamente inofensivo em termos ecológicos. O simples facto de ser uma máscara reutilizável faz com que se protejam não só as pessoas mas também o ambiente, minimizando a produção diária de resíduos.

Aqui está ela.

Em entrevista à Euronews, Pedro Simas, investigador e virologista do iMM, fala sobre a importância do uso do uso da máscara para a contenção do vírus e explica o reforço acentuado da MOxAdTech na proteção pessoal e comunitária. “A utilização da máscara protege quem a usa e, ao mesmo tempo, que está à sua volta. Sei que a sua utilização diária não é confortável, mas é um pequeno esforço necessário para salvar vidas”.

A MOxAdTech, que resultou inicialmente da cooperação entre a fabricante Adalberto, a retalhista de moda MO da Sonae Fashion, o iMM, o centro tecnológico CITEVE e a Universidade do Minho assume-se, assim, como a primeira máscara que inativa o vírus.

Francisco Pimentel, administrador da MO, explica que este projeto é um “excelente exemplo de cooperação” entre instituições nacionais para criar um produto inovador. “Os testes do iMM vieram comprovar a nossa afirmação de que a MOxAdTech é a melhor máscara de proteção social, reforçando todas as certificações já conquistadas. Estamos cientes da importância deste projeto para a comunidade e orgulhosos por, em conjunto com os nossos parceiros, estarmos a cumprir a missão da Sonae de levar os benefícios do progresso e da inovação a um número crescente de pessoas”, conta.

As máscaras inovadoras, disponíveis em branco ou preto, encontram-se, desde abril, à venda por 10€ nas mais de 120 lojas físicas da marca MO no País e na sua loja online, ou em supermercados Continente e na Well’s. Também pode encomendá-las para toda a UE através do site oficial da marca.

Este artigo foi escrito em parceria com a MO.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT