Lojas e marcas

2020 é o ano de trocar os carros poluentes por modelos elétricos

A nova frota da smart deixou para trás os carros movidos a gasolina ou gasóleo, substituindo-os por uma energia mais sustentável.
Os carregamentos são rápidos e práticos.

Lisboa é Capital Verde este ano e uma das principais medidas da iniciativa é reduzir em 60 por cento as emissões poluentes até 2030. A partir do verão, por exemplo, Avenida da Liberdade, Baixa e Chiado vão ter o trânsito condicionado, permitindo a entrada apenas de carros de moradores, com dísticos especiais ou que sejam elétricos.

Numa altura em que as preocupações ambientais estão cada vez mais na ordem do dia, os veículos elétricos têm vindo a ganhar popularidade por serem mais ecológicos. A smart, por exemplo, foi a primeira marca a tornar a sua frota cem por cento elétrica. Se está a pensar trocar de carro, esqueça de vez os combustíveis poluentes e aposte nestes modelos práticos, cool e totalmente movidos por uma energia limpa. 

Em 2020, a marca alemã focou-se na atualização dos já conhecidos smart EQ fortwo (coupé e cabrio) e smart EQ forfour. Os dois (e únicos) modelos foram totalmente redesenhados para esta nova era, tendo como base a sustentabilidade do ambiente e a utilização em cidade, para a qual a autonomia é mais do que suficiente nas deslocações do dia a dia.

Os carregamentos são precisamente um dos maiores obstáculos à compra de um veículo elétrico, uma vez que grande parte dos condutores ainda acredita que esta solução é pouco prática. Mas já pensou que é muito mais fácil encontrar uma tomada elétrica do que um posto de abastecimento?

Para impulsionar os novos citadinos, a smart utiliza baterias de iões de lítio com 17,5 kWh de capacidade, o que permite percorrer cerca de 159 quilómetros, apenas com um carregamento. Quer isto dizer que é a opção perfeita para quem vive numa cidade e faz, geralmente, um percurso curto de casa até ao trabalho. Além de conseguir fazer várias viagens com um único carregamento, vai poder estacionar sem dificuldade em qualquer lugar. Todas as baterias têm uma garantia de oito anos ou 100 mil quilómetros.

Além de terem uma configuração super fácil, os carros da smart também estão conectados à EQ control app (disponível gratuitamente para iOS e Android), que permite saber onde estacionou o carro, quanta autonomia tem, resolver possíveis furtos e até controlar as funções do veículo através do smartphone.

A condução elétrica é mais divertida, confortável e silenciosa e o novo design vem com uma grelha de radiador mais expressiva, mas também a opção de colocar faróis em LED com um elevado alcance. Os interiores da nova frota têm mais espaço, mas para quem gosta de aceleração também há boas notícias: o motor elétrico tem um arranque forte e contínuo desde os primeiros metros.

Para acompanhar a campanha “All electric, now!” em Portugal, a smart está ainda a apoiar vários projetos sustentáveis criados por portugueses, que mobilizem a cidade em áreas como a moda, a gastronomia, a arte e a inovação. Todos têm de ter uma coisa em comum: ser amigos do ambiente. Se também quiser inscrever o seu projeto, basta preencher todos os dados do formulário que está no site da marca até ao final de 2020. Os escolhidos terão visibilidade nas redes sociais da smart.

Até agora, foram destacados projetos como a Wayz, uma marca de sapatilhas feitas a partir de material reciclado; a Näz, uma marca de roupa sustentável com peças produzidas em fábricas locais do País e feitas a partir de produtos reciclados; a Jinja, com artigos de artesanato feitos à mão e que passam por um processo criativo de eco-design ou a Bisarro, o projeto quer dar um toque moderno à olaria negra da aldeia.

Este artigo foi escrito em parceria com a smart Portugal.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT