restaurantes

Chegaram a Portugal os pączki, os donuts polacos com Nutella e doces de fruta

O restaurante My’o Meu já fazia especialidades da gastronomia da Polónia. Desde junho que se virou também para a pastelaria.
Existem vários recheios disponíveis.

Pączki. Pode não saber bem como se diz, mas de certeza que vai querer experimentar um, ou mais arriscamo-nos a dizer. São uma espécie de donuts polacos, com uma massa ligeiramente mais leve que juntam recheios que podem ir da Nutella até aos mais variados doces de fruta. O doce, muito típico na Polónia, chegou a Portugal, mais propriamente ao Algarve, mas também com a possibilidade de entregas em Lisboa (já há datas e tudo).

É no restaurante My’o Meu, em Faro, que os vai encontrar. O espaço abriu em junho de 2019 e apesar de ser pequeno, começou a fazer sucesso com pierogi, os ravioli polacos que também são recheado das mais diversas formas.

Desde março que o projeto passou também a dedicar-se a alguns produtos de pastelaria, todos caseiros, com especial destaque para os pączki, que também podem muito bem ser comparados a uma bola de Berlim. Cada um custa 1,20€. Os recheios são desde a Nutella, ao Raffaello, doces de framboesa, alperce, maracujá, morango, damasco,  groselha preta ou lemon curd.

Há outras especialidades polacas.

Foram ainda criados outros típicos bolos de pastelaria polacos, como drożdżówka, cobertos com queijo ou doces de truta, makówka, uns enrolados com um creme feito à base de sementes de papoila. Fazem ainda pão de forma, baguetes ou bagels.

Os doces estão todos disponíveis no restaurante My’o Meu em Faro, mas não só. Através de um site consegue fazer pedidos para um dos pontos de entregas. Há datas para o Algarve e também para Lisboa, já este domingo, 12 de julho. Pode fazer a encomenda que depois é confirmado o ponto de entrega.

Os pierogi também são bastante pedidos.

Tomasz Szczepanski é o responsável pelo espaço. É natural de Varsóvia, na Polónia, vive no Algarve desde 2016 e há dois anos que estava a pensar criar um restaurante. Trabalhou durante quatro anos em espaços de restauração em Londres. Tem também formação em pastelaria, daqui que passado um ano do projeto se virou também para os doces.

Ainda assim, o restaurante não foi esquecido e os pierogi continuam a sair como sempre. Dizer que são uma espécie de ravioli é a forma mais fácil para os descrever. A massa é fresca e pode ser recheada com queijo e batata, chucrute e cogumelos, pato e cereja ou carne de porco e vitela.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua Conselheiro Sebastião Teles, 8 A, Faro
    8000-256 Faro
    Algarve

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT