gourmet e vinhos

Chefs on Fire: o festival onde tudo é cozinhado numa fogueira gigante

É a segunda edição do evento e acontece já em setembro. Há vários pratos para experimentar, mas também bebida e música.
O fogo estará ligado durante 12 horas / Fotos de Luis Niza.

Grandes chefs portugueses e internacionais voltam a juntar-se à volta de uma fogueira gigante para prepararem vários pratos. O Chefs on Fire está de volta para a segunda edição. Acontece no Estoril, no espaço Fiartil, a 14 de setembro. Todas as sugestões são cozinhas ao ar livre no fogo durante um showcooking.

Na edição de 2018 foram esgotados os 1500 bilhetes disponíveis, o mesmo número que foi colocado à venda para o novo festival. Podem ser comprados online, custam 75€ por pessoa e dão direito a 10 degustações, uma de cada chef, mas também a cinco bebidas. Há cerveja Bohemia e vinhos do Esporão. As crianças pagam 25€.

A fogueira é gigante.

O conceito foi criado por Gonçalo Castel-Branco, responsável, por exemplo, pelo projeto Presidential Train. Para a edição de 2019 foram convidados os chefs João Rodrigues, Kiko Martins, Alexandre Silva, João Oliveira, Vasco Coelho Santos, Márcio Baltazar, Rodrigo Castelo, Nuno Castro e Carlos Teixeira. De Singapura chega Dave Pynt, que trabalha muito com fogo no restaurante Burnt Ends.

Este é um festival onde a comida é o artista principal, mas também existe um cartaz com algumas bandas e músicos. Poderá ouvir Miguel Araújo, Dead Combo, Marta Ren, Lena D’Água e os Capitão Fausto. De França, chega Adam Naas; e do Canadá, The Harpoonist and The Axe Murderer.

O festival começa ao meio-dia e as brasas só são apagadas à meia-noite. Serão 12 horas com pratos preparados no fogo por chefs com estrela Michelin.

Também haverá concertos.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT