NiTfm live

restaurantes

Savage: o novo restaurante de Olivier que só faz entregas com a Uber Eats

Não tem um espaço físico, por isso, terá mesmo usar a aplicação para poder provar a ementa do chef.
Os pedidos são todos pela aplicação.

No novo restaurante do chef Olivier não há filas à porta. Até porque não existe uma porta. Se quiser provar as novas sugestões do chef, terá de usar a aplicação da Uber Eats. Chama-se Savage e ficou disponível na aplicação da Uber a partir de 25 de janeiro. É um espaço virtual tem apenas serviço de entregas por mota.

Por enquanto, o menu só pode ser entregue no centro de Lisboa — e não se sabe se o serviço alguma vez chegará a todas as zonas da cidade. A ementa está cheia de sugestões leves para se comer à mão em qualquer lugar. No trabalho, em casa, num jardim ou com vista para o mar, só precisa de abrir a aplicação e fazer o pedido.

Todos os pratos são com assinatura do chef Olivier. Há burritos com 400 gramas, como o Porkies, com arroz, cachaço de porco, alface, couve roxa, abacaxi e guacamole (9€), ou o Shrimp Tropicalia, com camarão panado, agrião, pico de galo e manga (9€).

Tem também os tacos, como o Fish Frenzy, peixe branco, maionese, ovas e guacamole (4€) e o Greens n Grilled Chicken, com frango grelhado, guacamole, pico de galo e maça verde (4€). Experimente também os burritos de sushi. Há três sugestões e custam 8€.

Para a sobremesa, pode pedir os churros com doce de leite (3,50€), mas também o taco doce com creme de avelã, cacau e mascarpone, morangos e pipocas.

Este é um projeto inovador no País: é o primeiro restaurante que apenas funciona com entregas da Uber Eats. O Savage vai funcionar entre o meio-dia e a meia-noite durante toda a semana. Às sextas e os sábados, as novas sugestões da carta podem ser pedidas até às duas da manhã.

Olivier arranca o ano com o Savage, mas 2019 promete muitas aberturas para o chef. O K.O.B e o Guilty, dois dos conceitos que tem em Lisboa, chegam ao Porto durante os próximos meses. Em abril, deverá abrir o novo Yakuza em Cascais.

O chef terminou 2018 com outros dois novos espaços em Lisboa. O Guilty, da Avenida da Liberdade, abriu no Parque das Nações com um novo desafio: uma torre de oito hambúrgueres que tem de comer em 60 minutos para não pagar.

No topo do Tivoli, no antigo Terraço, foi inaugurado no início de novembro o Seen Lisboa, um conceito que Olivier já tinha estreado em São Paulo, no Brasil. Um espaço homónimo, no hotel Avani, o K.O.B, o Yakuza e o Petit Palais, mais dedicado a eventos, são outros dos projetos que tem na cidade.

A Uber Eats chegou a Portugal em novembro de 2017. Tem mais de mil restaurantes associados ao serviço e está presente em mais de de dez cidades no País.