NiTfm live

restaurantes

Os menus mais baratos para comer num Michelin em Lisboa custam menos de 100€

Um dos espaços acabou de ficar disponível no Guia. O outro já é um residente e até esteve apontado a uma segunda estrela.
É uma das sugestões do Feitoria.

O novo Guia Michelin, que foi apresentado a 20 de novembro, em Sevilha, Espanha, trouxe duas novas estrelas para Lisboa. Ao topo da Torre Vasco da Gama chegou a estrela para o Fifty Seconds, um projeto de Martín Berasategui com Filipe Carvalho como chef executivo. Ao Epur, no Chiado, também foi entregue a distinção. A região de Lisboa vai contar em 2020 com 10 restaurantes no Guia. Percorremos todos os menus em busca das degustações mais baratas — e saiba que por menos de 100€ já consegue provar várias iguarias.

Para esta escolha apenas tivemos em conta os menus de degustação. Excluímos as sugestões à carta e também as propostas de almoço, que por norma têm menos pratos disponíveis. E esqueça já que pode ir até ao Belcanto— a degustação mais barata custa 165€ por pessoa.

O Epur é uma das novidades do guia.

Não são espaços para todos os dias, mas ainda assim existem na cidade restaurantes com estrela Michelin com menus que não irão fazer tanto (mas ainda fazem) estrago na carteira. Por exemplo, o Midori, no Penha Longa Resort, em Sintra, pode aproveitar os sete momentos do Kiri por 96€. Chegam-lhe nigiri de cogumelos, de lula ou até de atum fumado com muxama.

Ainda assim é por 90€ que consegue fazer uma refeição mais barata num Michelin em Lisboa. E são dois os restaurantes da cidade onde estão disponíveis por este preço. Um deles acabou de receber a estrela no novo Guia, o Epur. Abriu no início de maio de 2018, e tem Vincent Farges como responsável, um chef que já passou pela Fortaleza do Guincho.

O Feitoria fica na zona de Belém.

Depois é também no Feitoria, o restaurante do Altis Belém, que existe um menu por 90€. À frente da cozinha está o chef João Rodrigues, que já passou pela Bica do Sapato, que encerrou este ano, e pelo Varanda, do Ritz Four Seasons.

Veja tudo o que pode comer nestes menus de 90€.

Epur, Chiado

O menu de quatro momentos é o que custa 90€. Inclui entrada, dois pratos principais e sobremesa. As escolhas são feitas diretamente da ementa. Pode começar pelo tomate com framboesa e jalapeño; a sapateira com toranja, caril e maçã verde; ou a lebre com couve roxa e hibisco.

O menu do Epur tem quatro momentos.

Nos pratos principais a escolha faz-se entre o peixe do dia com cogumelos, alga kombu e salicónia; porco, couve e trufa negra; ou a perdiz com cogumelos cantarelos, chalotas. E para as sobremesa vai ter de escolher entre o dióspiro com sésamo; o chocolate com chicória e lúcia-lima; ou o queijo com favo de mel e frutos secos.

O wine pairing pode ser feito neste menu por 40€. Existem ainda mais dois menus no Epur: um com seis momentos, que fica a 125€; e outro com oito momentos, que custa 160€.

Morada: Largo da Academia das Belas Artes 14, Lisboa

Feitoria, Belém

O menu Terra é o mais barato que está disponível no restaurante do Altis Belém. As bebidas não estão incluídas. Como criações do chef João Rodrigues recebe nabiças com sésamo e caldo fumado; o taco de batata, aipo e queijo raclete; a couve-flor com avelã e grão de bico; a abóbora com queijo de São Jorge, mel e ervas frescas; o ravioli com espinafres e cogumelos selvagens e trufa; e o arroz com eucalipto e pinhões para a sobremesa.

Mais uma das sugestões criadas por Filipe Rodrigues.

O menu de vinhos fica a 60€ por pessoa. No Feitoria tem ainda o menu Matéria, de quatro pratos, por 110€; ou de seis pratos, por 135€. Depois tem sempre o menu à carta com sugestões como o peixe de Peniche com bivalves ou a carne de vaca com batata e trufa.

Morada: Altis Belem Hotel & Spa, Doca do Bom Sucesso, Lisboa