NiTfm live

Restaurantes

O novo restaurante vegan de Lisboa tem uma selva de herbívoros

No Kong há versões de hambúrgueres, francesinha, fish and chips e cachorro quente sem carne nem peixe.
A decoração traz a força dos animais herbívoros.

Uma selva de herbívoros faz parte da decoração do novo restaurante vegan de Lisboa. No Kong — Vegan Modern Food encontra espalhados pelo espaço um gorila, um rinoceronte, um veado e uma girafa. O projeto começou a funcionar no dia 14 de fevereiro, na Rua do Crucifixo, no Chiado.

“A ideia é acabar com a desculpa de que é preciso comer carne para ser forte. Estes animais são grandes, têm imensa força e alimentam-se apenas de vegetais. Ou seja, podemos ser vegan e não sermos magrinhos”, conta à NiT Sarah Lavagnoli,  a gerente do restaurante.

O conceito do Kong é servir versões de pratos comuns — que são feitos tipicamente com carne ou peixe —, mas sem utilizar a proteína animal. Há receitas vegans de hambúrgueres (9,50€), cachorro quente (5€), nuggets com maionese de alho (3,50€), prego em bolo de caco (7€) e francesinha (13,50€), todos com a utilização de ingredientes 100 por cento vegetais.

Entre os destaques está o fish and chips e o bife da casa com cogumelos (9,50€ cada um). Para a sobremesa, a sugestão é o cheesecake de frutos vermelhos e castanha de caju torrada (3,50€) ou a mousse Oreo (3,50€).

“Não descrevemos os ingredientes na ementa, porque as pessoas dizem logo que não gostam mesmo antes de experimentarem. Mas temos o prazer de explicar cada prato quando o cliente pergunta. As pessoas surpreendem-se sempre.”

Sarah Lavagnoli, 26 anos, trabalha na área da restauração desde os 15 anos. Começou como empregada de mesa no n’A Travessa, no Convento das Bernardas, em Lisboa. Entre 2013 e 2015, esteve à frente do restaurante Be Happy ao lado do ex-marido, Rafael Ferreira Cardoso, que agora é o chef do Kong.

O amor pelos animais fez com que Sarah (que nasceu no Brasil mas vive em Portugal desde os 14 anos) parasse de comer carne aos 18 anos. Três anos depois, tornou-se vegan. Este ano, aceitou o convite do proprietário Raul Pereira para criar o conceito e gerir o novo local. 

“Não queremos ser um restaurante da moda. Queremos transmitir o amor pelos animais através da comida. Não deixa de ser uma forma de ativismo. Não foi uma exigência, mas as quatro pessoas da equipa do Kong são vegans. Aqui, colocamos o planeta em primeiro lugar e também evitamos usar embalagens de plástico e palhinhas, por exemplo.”

Carregue na galeria para conhecer o Kong — Vegan Modern Food.

localização, contactos e horários

morada
  • Kong — Vegan Modern Food [ver mapa]
    Rua do Crucifixo n.30, Lisboa.
    1100-060 Lisboa - Portugal
    localizações
    Lisboa, Chiado
site e redes sociais
horários
  • De segunda a sexta, de: 12:30
  • às: 23:00
  • Sábados, das: 19:00
  • às: 23:00
  • Fechado aos domingos